Revista

Mini wedding na praia | Guia para quem quer casar com os pés na areia

Não mora na região litorânea, mas quer realizar um mini wedding na praia? Confira dicas para escolher espaço, decoração, cardápio e figurino

Os noivos que adoram o mar e querem uma cerimônia descontraída, com muita natureza em volta, tendem a apostar no mini wedding na praia. Este evento é mais intimista, com até 100 convidados, e tem personalização em cada detalhe.

O problema é que, como o casal não costuma morar no litoral, pode acabar não sabendo lidar com todos os cuidados que esse estilo de celebração exige. Ainda bem que, a seguir, você confere um guia completo com tudo o que os noivos precisam saber sobre realizar um casamento na praia.

mini-wedding-na-praia-casal

Foto: Christine Clark

 

Praias mais cobiçadas

A primeira dica para organizar um casamento pé na areia é pensar em qual praia vocês querem trocar alianças. Essa escolha pode ser influenciada pela distância ou por algum significado pessoal.

Mas quando o assunto é mini wedding, Ilhabela (SP) e Trancoso (BA) estão entre as opções mais cobiçadas. “Ambas já possuem certa tradição no assunto e contam com uma estrutura mais madura, com serviços para os noivos e acomodações para os convidados”, diz Rafa Perez, proprietária da assessoria Casar no Paraíso.

De acordo com a especialista, outras praias estão ganhando certa fama, mas é sempre importante pensar além da beleza natural. “Milagres, em Alagoas, por exemplo, é incrível, mas tem uma logística complicada. Até para chegar no aeroporto é difícil”, alerta Rafa.

mini-wedding-na-praia-casal

Foto: Angie Diaz Photography

 

Melhores meses para casar

Após escolher a praia, está na hora de pensar na data. Para Rafa, a primeira semana de junho é a melhor para fazer um mini wedding na praia. “É um período em que saímos das altas tarifas de maio, o mês das noivas, e ainda há um clima ameno e um mar tranquilo e bonito”, ressalta.

Segundo a profissional, é importante evitar dezembro, janeiro e fevereiro não só pelo calor, mas também por ser alta temporada, o que implica em tráfego intenso e preços mais altos. “Agora, quem não quiser passar frio, fuja de julho e agosto”, aponta Rafa.

mini-wedding-na-praia-casal

Foto: Oliver Fly Photography

 

Como escolher o espaço ideal

Com praia e data determinadas, procure pelo espaço que vai sediar o evento. A principal dica é encontrar um lugar preparado para receber os convidados.

“Praticamente 90% dos casamentos na praia envolvem pessoas que não moram na região litorânea. Assim, sugerimos espaços que tenham o próprio hotel ou que tenham parcerias com hotéis próximos para acomodar os visitantes”, revela Denis Villani, sócio-proprietário da empresa Denis Eventos & Buffet.

Além da questão da estrutura para receber turistas, é importante pensar no local em si. “É interessante verificar se o espaço tem tamanho compatível com o número de convidados, para não ficar muito cheio ou com cara de que veio pouca gente”, comenta Elena Canestrelli, proprietária do Pier 151, espaço que faz parte do grupo que também engloba o hotel Real Villa Bella e o buffet Marina Pontes Gastronomia.

Outra dica da especialista é analisar o Plano B. Isso é, descobrir como e onde será celebrada a cerimônia no caso de chuva e ventos fortes. “Às vezes, quando o casamento é pé na areia e ocorrem estes imprevistos,  a cerimônia acaba sendo realizada na parte interna do salão – e não tem nada a ver com o esperado pelos noivos”, destaca.

Por fim, vale verificar se o espaço possui uma estrutura de cozinha e banheiros eficientes para atender ao evento. “Muitas pessoas escolhem casas familiares para fazer a festa e depois precisam providenciar a instalação de banheiros químicos. Isso porque eles ficam nas suítes, afastados dos ambientes da festa”, conta.

mini-wedding-na-praia-espaço

Foto: Savan Photography

 

Como deixar todos os convidados informados?

Com a praia, data e local definidos, os noivos precisam começar a pensar em como enviar todas as informações necessárias para os seus convidados. O site de casamento é uma ótima opção, pois lá, os noivos podem preencher todos os detalhes do evento!

É possível colocar:  o save the date, mapa para chegar até o local, sugestões de locais para os convidados se hospedarem, inspirações de trajes e muito mais.

Decoração para mini wedding na praia

A decoração de casamento na praia pede por elementos botânicos, que são característicos do clima à beira mar. De acordo com Elena, destacam-se nessa categoria: flores tropicais, folhas de palmeiras, samambaias e Costela de Adão.

Entretanto, Denis lembra que é importante evitar certas espécies de flores, pois elas podem atrair insetos. “Animais polinizadores, como as abelhas, gostam de flores amarelas, além das espécies miúdas nas cores branco, amarelo e lilás”, ressalta. Tome cuidado!

Para complementar a decoração, uma boa dica é trabalhar com o artesanato local. Artigos em palha, juta e estopa têm tudo para trazer um charme extra para a produção.

mini-wedding-na-praia-decoração

Foto: Anna Roussos

 

Menu delicioso!

O Pier 151 conta com um cardápio já montado, em parceria com o buffet Marina Pontes Gastronomia, e que é muito usado para mini wedding na praia.

“Começamos com suco natural e água aromatizada antes da cerimônia. Depois, circulam os canapés quentes e frios, além de nossa rica mesa de antepastos. Em seguida, entram os pratos, podendo ser um serviço no estilo finger food ou jantar americano. Na madrugada, também passamos sanduíches e milk-shakes”, apresenta Elena.

Por conta de o casamento ser realizado na praia, existe uma preferência por comidas mais leves, com muito peixe e frutos de mar. Contudo, não se esqueça de escolher uma bela opção de massa para as crianças, os vegetarianos e os convidados que não são fãs de tais alimentos.

Ainda nesse contexto, é importante evitar comidas pesadas ou gordurosas. “Uma ilha gourmet com inspiração na Toscana, na Itália, com várias opções de queijos, por exemplo, pode não combinar com o clima quente da praia”, destaca Rafa.

mini-wedding-na-praia-menu

Foto: onelove photography

 

Cuidados com a mesa de doces

Segundo Rafa, não há tanta variedade de fornecedores de doces no litoral. Sendo assim, os noivos costumam encomendar as delícias na cidade. É ai que surge um problema: como transportá-los para a festa?

“Como eles são entregues em caixas, uma madrinha pode fazer o favor. Só que, com o possível trânsito da viagem, é necessário apostar em doces que não sejam tão perecíveis. Evite aqueles que levam chantilly, por exemplo”, recomenda a proprietária da Casar no Paraíso.

Ao chegar no espaço do evento, é recomendado mantê-los em uma temperatura amena para que não derretam e percam suas características. Eles também devem ser colocados na mesa quando a cerimônia estiver acabando, pouco antes dos convidados chegarem.

mini-wedding-na-praia-mesa-de-bolo

Foto: Ashley Kelemen

 

De olho nos trajes

Nem só de decoração e comida é feito um mini wedding em SP, RJ ou outro estado. Os noivos são a principal atração da festa e precisam estar vestidos à altura. Isso quer dizer, abusar do conforto e dos tecidos leves.

• A noiva

A noiva pode usar o look que achar melhor, afinal, o importante é que ela se sinta maravilhosa em seu Grande Dia. Porém, alguns direcionamentos podem ajudar a tornar o figurino mais apropriado para o mini wedding na praia.

“Para o vestido para casamento na praia, gosto muito de renda, alguma transparência e nada de mangas. Penteado e maquiagem devem ser naturais. No primeiro, vale usar o cabelo solto ou semipreso. Arranjos pequenos e coroas de flores são bem-vindos”, indica Elena.

Aqui, nem sempre o véu é uma boa opção. “O longo deve ser descartado, pois o vento pode acabar atrapalhando o caminhar da noiva. Minha dica é usar um modelo mais curto ou excluí-lo de vez do look. Um belo acessório de cabeça pode ser uma boa saída”, recomenda Rafa.

Em relação aos sapatos, procure saltos menores e quadrados ou até invista em sapatilhas. Isso porque eles dão mais estabilidade para caminhar na areia – sem contar que não tem nada a ver usar salto agulha à beira mar, não é mesmo?

mini-wedding-na-praia-look-da-noiva

Foto: Katie Grant Photography

 

• O noivo

Para os noivos, Elena logo informa: “nada de fraque preto, por favor”. Aqui, saem as cores escuras e entram as tonalidades mais claras. Os azuis são os queridinhos do momento, mas nada impede você de apostar em outros ternos com cores e estampas que saem do tradicional.

“Como o mini wedding na praia tem uma pegada mais leve, os protocolos tendem a ser deixados de lado. As gravatas são praticamente abandonadas. Às vezes, só aparecem no estilo borboleta entre o noivo e os padrinhos, para dar um charme”, aponta Rafa.

Para os sapatos, Elena recomenda opções mais leves. Entre elas, o modelo top-sider e até sapatênis.

mini-wedding-na-praia-look-do-noivo

Foto: Love & Light Photographs

 

Mini wedding na praia: preço

De acordo com Denis, o preço por pessoa para um mini wedding gira em torno de R$ 600. Os pacotes de casamento na praia podem variar de acordo com local do evento, decoração, serviço de buffet, som e iluminação decorativa do espaço, e muitos outros detalhes.

“Lembre-se: como no mini wedding tudo tende a ser bem personalizado, a variação de valor é bem grande”, conclui o especialista.

Veja mais sobre mini wedding na praia no nosso perfil no Pinterest

</>

Sobre:

#
Bianca Bellucci

Bianca Bellucci trabalha como jornalista desde 2012 e já escreveu para grandes portais, como UOL e Terra. Teimosa como uma boa taurina, convenceu os pais a trocarem uma viagem para a Itália para comemorar as Bodas de Prata por uma festa com direito a tudo que manda o figurino. Apaixonada por cultura pop, adora casamentos temáticos. Principalmente se os noivos forem fãs de Star Wars ou O Senhor dos Anéis. Entretanto, troca qualquer série ou filme por um episódio de O Vestido Ideal.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Av. Dr. Chucri Zaidan 1550, 31º - São Paulo - CEP: 04711-130 - CNPJ: 08.762.226/0001-31 © iCasei 2007 - 2019