Revista

Quanto custa um mini wedding na Europa?

De Portugal a Grécia, veja os preços para um mini wedding na Europa e comece a planejar seu grande dia

É muito comum ouvir a informação de que casar na Europa ou em países fora do Brasil é muito mais barato do que aqui. Mas será que procede? Quanto custa fazer um mini wedding na Europa?

Segundo Roberta Lobato, wedding planner da empresa Paris a La Carte e da Love Destinations, a resposta para estas perguntas depende muito do que os noivos querem para um mini wedding na Europa

“Muda em função da escolha do local, o tipo de refeição que deseja se fazer, Se o casamento é diurno ou noturno, se haverá festa pós celebração, se o casamento é religioso ou simbólico.  Se os noivos desejam oferecer algum passeio (é comum que os noivos aproveitem para fazer um welcome drink, um passeio em algum ponto turístico com os convidados, um day trip). Tudo isso influenciará no custo do casamento”, indica.

Leia também: Top 6 destinos para Elopement Wedding na Europa

mini wedding na europa

Foto: Gabi Alves | Roberta Lobato – Paris a la Carte

Outra questão que Roberta coloca é que os elopements weddings e os mini weddings na Europa (até 10 pessoas) saem bem em conta e costumam entrar no bolso da grande maioria dos casais que  viajam para continente. “É possível fazer celebrações em locais públicos. Até 10 pessoas a prefeitura e os policiais permitem a utilização de alguns espaços em Paris”, comenta.

Se você ficou curioso (a) para saber quanto custa um mini wedding na Europa, confira as dicas de alguns profissionais do ramo de casamentos e de algumas noivas que se casaram por lá para saber como funcionam os valores na prática. Confira o resultado e veja se vale a pena investir em um destination wedding para poucos convidados!

Quanto custa um mini wedding na Europa?

Antes de analisar os preços, é importante ter em mente que os valores para um mini wedding na Europa não incluem os custos com passagens e hospedagens, que devem ser orçados à parte. Os custos levantados são para casamentos realizados em 2019 – os valores estão sujeitos a mudanças a cada ano.

mini wedding na Europa

Foto: Bianca Ramos | Casamento na Grécia

 

Leia também: Destination wedding na Europa com preço de Brasil

Veja os valores para casamentos nos países mais procurados por brasileiros para se casar na Europa:

Itália

mini wedding na europa

Foto: Sam Sacramento | Simone Tostes – Aonde Casar Destination Wedding

Se o seu sonho for fazer um mini wedding na Europa, na Itália é possível encontrar destinos encantadores e para todos os gostos – lagos, praias, vinícolas, castelos e muito mais. Para Simone Tostes, wedding planner da empresa Aonde Casar Destination Wedding, se o sonho for casar em uma vila bucólica com muita história para contar, a Itália é o destino certo.

A dentista Deise Pereira é brasileira, mas mora na Itália. Ela decidiu fazer festa nos dois países. Primeiro, ela fez uma cerimônia civil na Itália, em um castelo em Napoli. A comemoração foi em um restaurante para 40 convidados. “O casamento civil deve ter custado uns 3.500 euros, contando com lembrancinhas, vestido, etc. Isso daria algo em torno de R$ 14 mil”, conta.

A cerimônia religiosa e a festa acontecerão no Brasil, em 2019, na cidade de Florianópolis. “O casamento no Brasil vai nos custar R$ 50 mil para 50 convidados”, destaca Deise. Lembrando que estes valores não incluem passagem e hospedagem.

mini wedding na europa

Foto: Sam Sacramento | Simone Tostes – Aonde Casar Destination Wedding

 

De acordo com Simone, o valor para um casamento no exterior depende muito das escolhas do casal com a decoração, catering, bebidas, o destino e a época do ano.

No entanto, ela dá uma estimativa de um destination wedding para 20 convidados na Toscana, Itália:

“Uma Villa na Toscana com a hospedagem para 16 convidados por três noites, jantar com bebidas para 20 convidados e com todos os fornecedores incluídos (excluídos todos valores de passagens aéreas) sai por mais ou menos 30 mil euros. Isto incluí ainda a nossa assessoria, um celebrante para cerimônia simbólica em língua portuguesa, decoração para cerimônia simbólica e jantar, buquê da noiva e lapela do noivo, um DJ, um músico para cerimônia, bolo de casamento, uma maquiadora e uma cabeleireira brasileiras e residentes, um fotógrafo brasileiro residente e 1 videomaker brasileiro e residente”.

França

mini wedding na europa

Foto: Gabi Alves | Roberta Lobato – Paris a la Carte

 

Castelos, vinícolas, Côte D’Azur, a Torre Eiffel…a França tem cenários únicos e uma gastronomia incrível! Não faltam motivos para escolher o país como local para um destination wedding.

Leia também: 6 destinos incríveis para casar na França

Roberta faz uma estimativa para um casamento para 20 pessoas na França com o custo de 12.500 euros.

“Inclui o serviço de wedding planner, celebrante (cerimônia simbólica), decoração completa para a cerimônia, violinista para a cerimônia, buquê da noiva, bolo, fotógrafo por 5 horas, coquetel e jantar. Não estão inclusas as passagens e nem o alojamento. Mas dá para considerarmos que um apartamento em Paris tem uma diária a partir de 85 euros e um hotel custa a partir 120 euros (média por noite)”, explica.

Portugal

mini wedding na europa

Foto: Ana Antunes Fotografia | Olivia Magalhães – About Events

 

Para Olivia Magalhães, wedding planner da About Events e da Love Destinations,  a maior vantagem de casar em Portugal é, sem dúvida, o fator preço. “Se  compararmos ao Brasil e os outros países da Europa, é bem menor. Portugal oferece ainda mais alguns detalhes bem importantes, como a estabilidade e tranquilidade, o clima mais ameno (em relação aos demais países europeus) e a questão do idioma”, destaca.

Leia também: 6 destinos incríveis para casar em Portugal

A engenheira agrônoma Sara Sequeira Antunes é portuguesa e se casou no Alentejo. “Portugal é um país lindo de norte a sul. Tem muita tipicidade e tradições de cada região. Há lugares fantásticos como Lisboa, Cascais, Ericeira e Porto, que ficam perto de aeroportos. No entanto, puxando um pouco à minha região, o Alentejo tem locais absolutamente extraordinários, paisagens lindas, riqueza gastronômica, serviços de qualidade igual ou superior aos grandes centros, mas com uma vantagem gigantesca – a da tranquilidade e beleza natural. Casamos no Alentejo e a maioria dos convidados era de fora e adorou tudo. Ainda hoje dizem que deveríamos repetir o dia. Muitos convidados alugaram locais e passaram uns dias”, conta.

Leia também: Destination wedding em Portugal: Fátima e Paulo

 

 

mini wedding na europa

Foto: Adriana Morais | Olivia Magalhães – About Events

Em suas pesquisas, Sara afirma que viu diferentes preços. “Há locais mais baratos e outros que são 5 estrelas e, portanto, mais caros. Penso pelo que vi que vai dos 45 euros por pessoa a 150/200 euros. Tudo depende do local e do buffet. Se a decoração faz parte ou não. Isto é uma média, porque há locais bem mais caros”, comenta.

De acordo com Olivia, um pacote de casamento em Portugal para 20 convidados sai em torno de 6200 euros (sem considerar os custos com passagem e hospedagem). “Este preço é para um casamento em um palácio em Cascais. Este pacote inclui serviço de wedding planning (assessoria), celebrante (juiz de paz), decoração completa da cerimônia, violinista para a cerimônia, buquê da noiva, bolo, fotógrafo por cinco horas, coquetel e jantar”, comenta.

Grécia

mini wedding na europa

Foto: Bianca Ramos | Casamento na Grécia

A Grécia tem alguns dos cenários mais deslumbrantes do mundo com suas ilhas super charmosas.

“A Grécia é linda, tem uma paisagem incomparável e uma comida dos deuses! Além disso, o turismo na Grécia é muito mais barato do que na Inglaterra ou na França. Santorini é a ilha mais romântica da Grécia. Ela é um vulcão ativo e por isso nos dá a sensação de que está viva. As famosas casinhas brancas foram construídas na caldeira e os hotéis também. As cerimônias acontecem nos terraços dos hotéis, de frente para o pôr do sol no mar. São vários hotéis e acontecem casamentos o tempo todo – de manhã até o final da tarde. Há também alguns beach bars na ilha, onde podemos fazer casamentos. Na maior parte das vezes, a cerimônia é na caldeira e a recepção em um beach bar na praia – com música, dança grega e quebra de pratos”, destaca Bianca Ramos, wedding planner e fotógrafa da empresa Casamento na Grécia – Santorini.

Vanessa Queiroz, que trabalha com filmes de casamentos,  escolheu se casar na Grécia, no o terraço do Dana Villas. “O espaço tem de decoração principal as casinhas brancas em volta. Fizemos também um Welcome Drinks em um beach bar maravilhoso numa praia de pedras pretas em Santorini. Fora que tem outras opções lindas de beach bars pela ilha. Essa foi uma ótima ideia pra recepcionar os convidados. Demos um dia off de descanso pra galera se recuperar para estarem intactos no dia do casamento também. Também pode-se casar na praia em Santorini – como é uma ilha vulcânica, não tem areia e sim pedras, o que deixa bem rústico e diferente do que se vê nas praias do Brasil”, relata.

“Eu organizei meu casamento na ilha de Santorini para 120 convidados e hoje tenho uma empresa que faz destination weddings para brasileiros aqui – este ano vamos atingir a marca de 100 celebrações. Posso dizer que Santorini  é, antes de tudo, emocionante. O casal vai experimentar um contato íntimo com a natureza e o casamento será uma experiência completa na ilha. Passeios de barco, degustação de vinhos na ilha e visitas a sítios arqueológicos podem fazer parte deste momento”, sugere Luana Sarantopoulos, da empresa Casamento em Santorini.

Leia também: Elopement wedding na Grécia: tudo sobre o casamento a dois no destino dos sonhos

Para quem tem um pouco de receio com relação ao idioma, Bianca tranquiliza: “Os gregos falam inglês muito bem e se esforçam para falar espanhol e se comunicarem conosco. Nada que um chip grego e o Google Tradutor não resolvam! Eles fazem mímica, desenham e também usam o tradutor. A Grécia está preparada para receber mesmo quem não fala inglês”.

De toda a forma, se você curtiu a ideia de casar na Grécia, é importante ter algum profissional que entenda a cultura e as regras locais, que são bem diferentes daqui do Brasil.

A dica que eu dou é que se for pensar em casar fora e ainda quiser fornecer para os seus convidados, cerimônia, jantar e até uma festa, procure por um assessor local que vai ajudar a colocar seus planos em prática e orientar sobre o que é viável ou não. Por ser outro país, com outra cultura, é importante saber o que é permitido ou não. Exemplo: na Grécia, não é permitido levar fornecedores de fora, principalmente os fotógrafos. Santorini restringiu que os fotógrafos de fora do país tirassem todo o trabalho dos fornecedores gregos. E é sério! Há fiscais que vão de cerimônia em cerimônia olhar quem é o fotógrafo e se for algum desconhecido eles exigem a autorização e pedem pra sair, isso no meio da cerimônia rolando. Sim, eles são bem grossos, melhor respeitar! No final das contas, vale muito a pena contratar o fotógrafo local, pois ele tem todos os ‘macetes’ pra entrar nos melhores lugares”, alerta Vanessa.

mini wedding na europa

Foto: Bianca Ramos | Casamento na Grécia

 

E quanto custa casar neste paraíso? De acordo com Bianca, a maioria dos casamentos é para o casal e até quatro convidados (um pacote para até seis pessoas), que pode ser com jantar ou sem jantar.

“Esse pacote sem jantar fica em média 3500 euros, o que varia é o aluguel do local para a cerimônia. Os preços vão de 330 até 1100 euros por 1h30 de uso do local da cerimônia. Com jantar e bebidas, acrescente, em média, de 100 a 150 euros por pessoa. O pacote básico inclui também buquê, celebrante, champanhe, música mecânica, certificado de casamento, arranjo de flores naturais para a mesa, pétalas e arroz (para jogar nos noivos), tapete, mesa, gazebo, toalha de mesa, taças, pratos e água mineral”, esclarece.

Luana afirma que o preço de um mini wedding pode variar bastante dependendo do local da cerimônia e da festa. “Os terraços podem ser alugados a partir de 400 euros para os casais mais econômicos, mas se você quer luxo e privacidade existem as opções de realizar tudo em uma vila privada e aí o céu é o limite! O preço por convidado na recepção com um menu de casamento começa a partir de 80 euros e existem menus open bar a partir de 33 euros. Esses valores são apenas algumas ideias, pois nosso foco é realizar o sonho da noiva, seja com uma entrada na cerimônia de burrinho ou em um helicóptero. A decoração é um item à parte, mas é possível fazer um gazebo lindo por 500 ou 5000 euros. O casal pode escolher dentre uma lista de itens extras, como por exemplo ter um violinista na cerimônia a partir de 300 euros, músicos locais, pianista, harpista, enfim, as opções são infinitas”, relata. Se for colocar a hospedagem na conta, segundo Lucia, é possível encontrar desde hotéis simples de 3 estrelas a partir de 100 euros a diária, até hotéis luxuosos que podem chegar a mais de 2000 euros.

Espanha

mini wedding na europa

Foto: Celso Junior | Rockstage Produções

Gosta de festa e tem uma turma de convidados bem animada? A Espanha pode ser o destino certo para seu mini  wedding na Europa. Segundo Paloma Horta, da empresa Rockstage Produções, as cidades mais procuradas são Ibiza e Barcelona. “A vantagem é que a Espanha tem um clima gostoso no verão. As pessoas são mais descoladas e festeiras. Ibiza, em especial, é uma ilha paradisíaca e bastante desejada pelas suas praias e festas. Os convidados não só aproveitam o casamento como terão a oportunidade de ver os maiores DJs do mundo com a sua turma reunida. Os eventos por lá são menos formais do que na França e na Itália, por exemplo”, opina.

Outras vantagens do país são o idioma e a culinária. “A língua é muito parecida com o nosso, é de fácil interpretação para os que não falam outro idioma. Precisamos nos preocupar com os convidados.  Além disso tem uma gastronomia maravilhosa, com a  comida mediterrânea. Dentre as cidades e regiões mais procuradas para casamentos estão Madri, Barcelona, Ibiza, Palma de Mallorca  e Andaluzia (Sevilha / Granada / Córdoba / Malaga)”, aponta Margarete Milessis, da empresa Gotas de Mel Turismo.

Se você curte este clima super descontraído, Paloma revela que é possível fazer um mini wedding para 20 pessoas a partir de 20 mil euros. “O preço tem variáveis como, por exemplo, tempo de festa, número de convidados, bebidas que serão servidas, local do evento, etc”, pondera.

Margarete coloca que um pacote de casamento para 10 pessoas pode sair por 6.800, sendo que o serviço de buffet média do menu por pessoa sai por 120 euros (refeição) e 40 euros (bebida). Neste modelo de casamento sugerido por Margarete estão inclusos:  elaboração e organização do casamento, dia da noiva em seu hotel – Makeup & Hairsytle – ações importantíssimas que farão a noiva ainda mais bela neste dia , mestre de cerimônia, buquê da noiva, garrafa de champagne, texto da cerimônia, transporte para os noivos dentro da cidade (ida e volta do hotel) com carro provativo e motorista, city tour de 2 horas para fotos ao redor da cidade e certificado de casamento simbólico.

mini wedding na europa

Foto: Jordi Cervera | Rcokstage Produções

A vendedora Karoline da Silva é brasileira, mora na Espanha e se casou por lá. Dentre as vantagens que ela vê em se casar na Espanha é com relação ao preço. “Considero que no Brasil iria ser bem mais caro – pela questão dos voos e também pelo casamento em si. Acredito que meu casamento teria custado talvez o dobro aí no Brasil. Uma festa como a minha por aqui custa em torno de uns R$ 45 a 50 mil, mas isso só o buffet e o local, sem decoração, flores, fotos e etc. Claro que há locais mais baratos e mais caros, mas o espaço onde casei era como uma fazenda. Tinha uma casa, dormimos lá  e no dia seguinte ao casamento fizemos um almoço“, conta.

Dentre as dificuldades sentidas por Karoline nos preparativos do seu casamento estão a decoração e o bolo. “Costumo fazer a decoração em festas familiares e minha mãe sempre trabalhou fazendo bolos. No entanto, nesse dia não queríamos fazer nada, para não ficarmos nervosas. Mas não teve jeito – não encontramos ninguém que fizesse o bolo do jeito que eu queria e nem a decoração. Até mesmo porque aqui não se faz para casamento bolos como no Brasil, fazem mais bolos gelados e eu não gosto. O restante foi tudo bem fácil de encontrar – vestido, local, lembranças e convites”, lembra.

mini wedding na europa

Foto: Jordi Cervera | Rockstage Produções

Se você vai se casar na Espanha, vale ficar atenta também aos costumes que são bem diferentes. “Aqui, quando o noivo pede você em casamento, ele te dá um anel e você dá um relógio a ele. Outra tradição é usar a cinta-liga na perna – e na hora da festa, você dá ela de presente à mulher mais bonita ou mais sexy. Também tem o  costume de usar alguma coisa azul, uma velha, uma emprestado e outra presenteada” revela Karoline.

Economize no seu mini wedding na Europa

mini wedding na europa

Foto: Gabi Alves | Roberta Lobato – Paris a la Carte

Confira algumas dicas para gastar menos ao fazer seu mini wedding na Europa:

Quando encontrar preços mais baixos?

Qual é a época mais barata para fazer um mini wedding na Europa? De maneira geral, Simone pontua que os melhores meses são abril e maio. “Neste período, o frio está chegando ao fim, mas ainda não é alta temporada. Junho, julho e agosto são meses de altíssima temporada Europeia, ou seja, tudo mais caro e muito cheio. Os melhores preços são em setembro e outubro quando a alta temporada acaba, mas já começa a ficar mais frio. No entanto, muitos casais não querem se casar com este clima”, pontua.

Roberta expõe que os melhores meses para um mini wedding na Europa são final de maio e início de junho, além do mês de setembro.

“Vale lembrar que em julho temos as nossas férias aqui no Brasil. Agosto e setembro é quando acontece as férias dos europeus. Com isso, os preços tendem a aumentar”, destaca Margarete.

mini wedding na europa

Foto: Ladies and Lord | Roberta Lobato – Paris a la Carte

Se você quer casar em Portugal, os preços são menores de outubro a abril/maio. “Nesta época, as temperaturas são mais baixas e chove. Eu casei em setembro e estava um dia fantástico. Normalmente há mais casamentos em junho, julho e setembro/outubro, porque os dias são longos e o tempo quente. Agosto normalmente não vejo muito casamentos – penso que está demasiado calor e as pessoas estão de férias”, alerta Sara.

Bianca conta que os casamentos na Grécia costumam acontecer de 15 de abril a 15 de outubro. “Começam na primavera e vão até o final do verão. Os preços mais baixos são em maio, junho, setembro e outubro. Fuja de julho e agosto – são dois meses muito quentes, com temperaturas que chegam a 40ºC facilmente. E os preços acompanham a onda de calor”, alerta.

A Espanha segue a mesma lógica. “A melhor época para se casar na Espanha é de maio a outubro. É bom evitar julho e agosto que são meses muito quentes e cheios. São meses em que tudo é mais caro e mais escasso”, indica Paloma.

Custos com passagens para a Europa: como economizar?

Se você decidiu fazer um mini wedding na Europa, é bom começar a pesquisar pelas passagens aéreas.Há pequenas variações dependendo de cada destino, mas de forma geral, os preços ficam acima de R$ 2000 (vale lembrar que varia muito de acordo com as oscilações das moedas e época do ano).

De acordo com o ranking ViajaNet 2018, o custo médio das passagens para Madri no último ano foi de R$ 2879 (ida e volta). Já as passagens para Paris custaram, em média, R$ 2.455 (ida e volta). E, para Lisboa, o valor médio ficou em R$ 2.872. Agora se o seu destino é a Grécia, segundo Lucia, o custo da passagem aérea vai depender da época, mas a partir de R$ 3000 é possível adquirir um bilhete na econômica.

mini wedding europa

Foto: Gabi Alves | Roberta Lobato – Paris a la Carte

Neste mesmo ranking, é possível observar que as passagens costumam ficar mais caras no mês de Julho. Em novembro, foram encontrados os valores mais baixos da tabela – mas lembre-se: é um mês de bastante frio por lá e pode não ser uma ideia tão boa fazer um mini wedding na Europa!

Para ter uma ideia de quanto custa uma passagem de avião para o seu destino na Europa, vale a pena ficar de olho em ferramentas e aplicativos como Google Flights, Sky Scanner e Kayak. Com elas, é possível pesquisar os melhores preços ao longo do ano e também colocar alertas de promoções para o destino desejado.

 

Sobre:

#
Marina Pastore

Marina Pastore é jornalista e trabalhou na Folha de S.Paulo. Desde 2011, quando começou a organizar seu próprio casamento, se apaixonou pelo assunto e criou um blog, o Vestida de Branco, para dividir ideias, opiniões e dúvidas. Anos depois do seu casamento, ainda adora falar sobre o assunto, ajudar as noivas e com...

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Av. Dr. Chucri Zaidan 1550, 31º - São Paulo - CEP: 04711-130 - CNPJ: 08.762.226/0001-31 © iCasei 2007 - 2019