Você provavelmente já idealizou a lua de mel perfeita na sua cabeça, certo? Paris, Fernando de Noronha, Punta Cana… muitos são os destinos tradicionais para uma viagem a dois pós-casamento. A minha (e do meu noivo, claro!) era uma road trip pela Califórnia, sempre foi, e eu sabia que não me contentaria com menos. Mas, pelo motivo que muitos casais que planejam casamento conhecem bem ($$$), só conseguimos realizar esse sonho um ano após nosso mini wedding.

Veja também:  “Sempre soubemos que iríamos ficar juntos” | Veronica e Bruno

Em resumo, só posso dizer que cada dia de espera valeu a pena. A viagem aconteceu em maio de 2018, durou 20 dias e ultrapassou todas as expectativas. Apesar de ter passado por outros destinos como Las Vegas, San Diego, San Francisco, Yosemite e Lake Tahoe, resolvi compartilhar aqui o roteiro detalhado dos cinco dias que passamos de lua de mel em Los Angeles, uma das cidades mais apaixonantes da Califórnia.

Os canais de Venice (Foto: Arquivo pessoal)

 

Veja também: Passo a passo para planejar a lua de mel e evitar imprevistos

Preparação e valores

A preparação para esta viagem não se diferencia tanto em relação a outros destinos. Sabíamos que sendo uma road trip precisaríamos, óbvio, de um carro. Assim, reservamos o veículo ainda aqui no Brasil e escolhemos um sedan, não tão pequeno, porque precisávamos carregar duas malas grandes e duas pequenas. Além do transporte, fizemos todas as compras prévias de praxe: seguro viagem, hotéis e airbnbs.

Quanto aos valores, não consigo falar o valor exato de cada um dos itens que vou citar neste texto. Mas logo após voltarmos de viagem, fizemos o balanço de gastos e posso dizer que, de forma geral, esta é uma viagem de em média R$ 25 mil para duas pessoas, considerando o dólar da época a US$ 3,30 e incluindo todos os destinos não roteirizados aqui. É claro que isso vai variar dependendo do tipo de hospedagem escolhida e do grau de sofisticação dos restaurantes.

Veja também:  Destinos de Lua de Mel no Brasil e no exterior para quem gosta de frio

Onde se hospedar

Nossa primeira parada, indo direto do Brasil, foi Los Angeles, a cidade que eu, particularmente, mais queria conhecer. Ficamos 5 dias por lá e nos hospedamos em Monterey Park, um bairro que fica há 25 minutos de Hollywood, mais ou menos. No entanto, após conhecer o mundialmente famoso trânsito de Los Angeles de perto, eu indico que você fique em um bairro mais próximo dos pontos turísticos que mais te interessam. Algumas opções são:

  • Santa Monica;
  • Venice Beach;  
  • Hollywood;
  • West Hollywood;
  • Beverly Hills;
  • Fairfax District;
  • Downtown Los Angeles.

Mas a melhor dica a ser seguida é mesmo estipular o local mais próximo do maior número de pontos que você quer visitar, já que Santa Monica e Venice Beach podem ser um pouco longe para quem pretende ir a Los Angeles todos os dias e vice-versa.

Santa Monica (Foto: Arquivo pessoal)

 

É claro que cada casal tem seu próprio estilo e preferências de passeios, e Los Angeles tem opções para os perfis mais variados: cinéfilos, alternativos, praieiros, culturais e urbanos.  Mas existem alguns pontos turísticos que são unânimes entre os visitantes da “Cidade dos Anjos”. e vou falar um pouco deles.

Veja também: Organize a mala para a lua de mel deixando a bagagem mais prática e funcional

Calçada da Fama e Teatro Chinês  

Diferente do que parece nos filmes e séries, a Calçada da Fama é quase nada glamurosa. Por lá você vai estar cercado de lojinhas vendendo souvenirs, vendedores te oferecendo passeios turísticos e muita extravagância. Mas é impossível negar o quão divertido é andar por seus 1,6 km de extensão na Hollywood Boulevard lendo os nomes de cada artista eternizado nela. Pra quem sempre quis ir a Los Angeles, a Calçada da Fama é quase a materialização de uma experiência sonhada por anos, sabe?

Já o Teatro Chinês, também na Hollywood Boulevard, é aquele famoso ponto em que os artistas deixam suas marcas de mãos e pés em uma placa de cimento no chão. O local tem um tour guiado e também tem filmes em cartaz para quem quiser ter a chance de assistir uma produção em seu cinema. Confesso que passei apenas pela famosa calçada de assinaturas, mas deve ser bem legal assistir a um filme por lá.

Hollywood Boulevard (Foto: Arquivo pessoal)

Estúdio da Warner Bros

Se você é fã de “Friends”, com certeza já sonhou em visitar o Central Perk pessoalmente, acertei? Pois se esse é seu caso, a visitação aos estúdios da Warner Bros é o passeio “tem que ter” do seu roteiro. Além do famoso café, você vai passar por cenários como os de “Big Bang Theory”, ver objetos marcantes de “Harry Potter”, conhecer de perto o Batmóvel e muito mais. O tour é bem divertido e cheio de curiosidades. Mas, vale ficar atenta, aqui a dica é comprar os ingressos com antecedência, já que eles se esgotam bem rápido.

Veja também: Lua de mel no Brasil | top 10 destinos para todos os gostos

Observatório Griffith

Para quem adora mirantes que possibilitam a vista completa da cidade, o Observatório Griffith é o lugar ideal. Para acessá-lo você só precisa pagar o estacionamento das ruas que tem em volta, mas no Observatório em si a entrada é gratuita, e a vista é de tirar o fôlego! De lá, além de todos os ângulos da cidade, é possível ver a placa de Hollywood. O melhor conselho é: vá no final da tarde. Afinal, nada mais romântico e incrível do que o pôr-do-sol da Califórnia.

Observatório Griffith (Foto: Arquivo pessoal)

Veja também:  Prepare as malas: 15 destinos de lua de mel para casais aventureiros

The Grove e Farmer’s Market

O The Grove é um shopping a céu aberto muito charmosinho. Ele tem poucas (e boas!) lojas, como Apple, Sephora, Ray-Ban, MAC, GAP, Brandy Melville, Nordstrom, Barnes & Noble e mais. E o melhor é que ele fica no mesmo local do Farmer’s Market, uma espécie de feira gastronômica, que conta com opções diversas e deliciosas seja para o almoço, jantar ou para um lanche.  

The Grove (Foto: Arquivo pessoal)

Veja também: 15 melhores lugares para lua de mel: os preferidos dos noivos!

Arts District

Arts District é o mais novo bairro descolado (ou hipster, como queira!) de LA. Ele fica em Downtown, fora da rota super turística, mas é um passeio cultural incrível. São muitos murais de grafite para apreciar e fotografar, cafés charmosíssimos, bares, restaurantes e lojas com produtos especiais, como roupas, itens de decoração e livros, que só são encontrados por quem explora a região.  

Arts District em Downtown Los Angeles (Foto: Arquivo pessoal)

 

Veja também: 15 destinos de lua de mel para casais aventureiros

Rodeo Drive e Beverly Hills

Se é foto turística que você quer, vale visitar a placa de Beverly Hills, em frente em uma pracinha em frente a Rodeo Drive – a icônica avenida de “Uma Linda Mulher”. Ambos lugares nos dão uma sensação genuína de realmente estar em LA, sabe? As ruas largas, emolduradas por palmeiras têm esse poder de emitir a “vibe californiana”.

A Rodeo Drive também é um lugar incrível para quem busca grifes como Chanel, Gucci, Balenciaga, Louis Vuitton, Burberry, entre outras. Confesso que não era o meu caso, mas mesmo assim encontrei por lá um passeio delicioso.  

O icônico hotel de “Uma Linda Mulher”(Foto: Arquivo pessoal)

Veja também: Destinos exóticos | 10 sugestões para uma lua de mel inesquecível

Venice Beach

Pra mim o combo “Venice/Santa Monica” foi de longe mais legal de visitar no condado de Los Angeles. Eles ficam a cerca de uma hora de LA Downtown e têm uma atmosfera completamente diferente. Vale separar, pelo menos, um dia inteiro para começar caminhando na orla de Venice, conferir as lojas “diferentonas” e a vibe excêntrica do lugar. Por lá, a gente gastou horas só observando os locais andando de skate, curtindo a praia e praticando esportes na areia.

Venice Beach (Foto: Arquivo pessoal)

 

Venice é, definitivamente, um dos lugares que mais representam o jeito Los Angeles de ser, inclusive na área residencial. Por isso, tire um tempinho para passear nos canais de Venice, uma vizinhança planejada justamente para recriar os canais de Veneza. O passeio por lá é apaixonante! Além dos canais artificiais super românticos, as casas coloridas que os cercam nos fazem ficar imaginando como é a vida das pessoas dentro de cada uma delas. Atravesse as pontezinhas e explore tudo o que puder no local, você vai se surpreender!

Outro ponto imperdível de Venice é a rua Abbot Kinney, uma das ruas mais descoladas de toda Los Angeles. Na verdade ela é conhecida como “the coolest block in America” (ou a rua mais legal dos Estados Unidos), então já dá para imaginar que muitas horas serão passadas ali, certo? A rua fica a poucas quadras da praia e tem uma infinidade de lojas exclusivas e restaurantes legais, onde, aliás, a dica gastronômica é o Gjelina, um restaurante bem badalado da região que serve do café da manhã ao jantar.

Almoço no restaurante Gjelina, na Abbot Kinney (Foto: Arquivo pessoal)

 

Pier de Santa Monica e 3rd Street Promenade

Vamos combinar, nada mais cinematograficamente californiano do que um pier com roda-gigante, não é mesmo? Santa Monica é assim. O Pacific Park é uma parque de diversões em cima do pier local que, além de ter opções para as crianças (claro), cria uma atmosfera especialmente romântica para os adultos que a visitam. Vale sentar com seu amor em um dos bancos do pier, dividir um sorvete e ficar observando o mar.

Você pode ir de Venice a Santa Monica de bicicleta ou de patinete elétrico (que é febre na Califórnia), já que ambos são continuidade do litoral de Los Angeles e ficam a menos de 15 minutos de pedaladas um do outro. Por lá, ainda tem a imperdível 3rd Street Promenade, um shopping a céu aberto com lojas como as hypadas Urban Outfitters e Anthropology.

Santa Monica tem um pôr-do-sol mundialmente famoso. Então, mesmo que dê uma escapadinha para ir às compras, não se esqueça de voltar para a praia a tempo de ver este verdadeiro espetáculo da natureza ao lado do seu par.

Vista do pier de Santa Monica (Foto: Arquivo pessoal)

 

Veja mais destinos inspiradores no nosso perfil no Pinterest

</>

Tags da matéria

Comentários