Ouça a narração da matéria:

A jornada em busca da casa nova sempre gera uma série de dúvidas entre os noivos. A mais comum delas é escolher entre comprar ou alugar um imóvel. Consultar a opinião de especialistas, criar um planejamento financeiro e analisar os sonhos do casal pode ser a chave para tomar a decisão correta.

 

Casa nova
Foto: Jordan Brittley

 

Em busca da casa nova: primeiros passos

A busca pela casa nova envolve uma série de fatores importantes. O primeiro deles é o financeiro, que sempre será a base para definir o imóvel. Também é preciso analisar alguns detalhes. Entre eles, a localização, o espaço disponível, a necessidade de reformas e até as preferências do casal.

“O primeiro passo sempre é planejar. Só que o brasileiro não tem essa cultura”, alerta Andreza Stanoski, palestrante e educadora financeira da DSOP Educação Financeira. “O ideal é começar avaliando a renda do casal e quanto eles estão dispostos a gastar ou economizar. Eles devem ter uma reserva de, no mínimo, seis a 12 vezes o valor de uma parcela de aluguel ou financiamento”, completa.

Para ela, uma das melhores dicas para não errar na hora de escolher a casa nova é sempre observar o sonho do casal como um todo. Às vezes, vale a pena deixar um luxo momentâneo de lado para investir em algo sólido. Para colocar isso em prática, os dois devem se ajudar no planejamento, sempre ressaltando quais são as prioridades de cada momento.

Casa nova
Foto: Esther Louise Photography

 

Comprar ou alugar imóvel: 2018 e 2019

Depois de analisar todos os fatores citados acima, é hora de escolher entre a compra ou o aluguel. 2018 foi um ano morno para o mercado imobiliário, que ainda não conseguiu se recuperar da crise econômica. Por conta disso, é possível explorar muitas opções e encontrar valores bacanas durante o novo ano.

•  Comprar um imóvel

Segundo Celso Petrucci, economista-chefe do Secovi-SP (Sindicato da Habitação), a melhor opção é a compra. Principalmente por conta das taxas de juros baixas. Entretanto, o especialista destaca que é preciso ter condições financeiras para isso.

“Um casal que quer comprar um apartamento de R$ 200 mil, por exemplo, tem que ter ao menos R$ 40 mil em mãos. O resto pode ser financiado. Atualmente, os bancos oferecem taxas de juros atrativas, que ficam em uma média de 9% ao ano”, explica o profissional.

Quem está na dúvida entre comprar imóvel à vista ou alugar e guardar dinheiro, o recomendável é apostar na aquisição da casa nova. “Por conta da crise, o pagamento à vista continua sendo a melhor modalidade. Quem tem dinheiro em mãos consegue barganhar e negociar preços mais atrativos”, garante Celso.

Ainda é possível apostar no consórcio. “Ele pode ser um bom começo. Você começa pagando um valor menor e depois consegue aumentá-lo conforme a sua renda”, conta Andreza.

Antes de fechar qualquer negócio, não deixe de analisar se o investimento é compatível com o estilo de vida de vocês e suas expectativas. “Vale a pena se tiverem uma estabilidade naquela cidade, como um emprego fixo ou projetos que não exijam que se mudem em breve”, recomenda o especialista do Secovi-SP.

Casa nova
Foto: Megan Pomeroy

 

• Alugar um imóvel

O aluguel é o método mais indicado para os casais que ainda não têm uma reserva para dar entrada em um imóvel ou pagar à vista. A modalidade também é ideal para quem não tem um emprego estável ou pretende se mudar para outra região em breve.

“A dica é não se empolgar de cara. Vale a pena visitar vários imóveis antes de escolher o que mais combina com você. Além disso, é preciso ficar atento às propriedades mais antigas. Muitas vezes, elas são reformadas, mas apresentam problemas”, explica Celso.

Também é importante ficar atento na hora de assinar o contrato. “Nunca feche um negócio sem ler e entender todos os termos da negociação. É preciso analisar uma série de fatores, como o preço do condômino (no caso dos apartamentos), IPTU e outros possíveis gastos que podem não estar nos planos iniciais. Caso não consiga compreender algo, procure um especialista”, recomenda Andreza.

Casa nova
Foto: Jordan Brittley

 

Comprar ou alugar imóvel: simulador e outras dicas

Alguns recursos disponíveis na internet podem facilitar a vida de quem quer alugar ou comprar imóvel. Planilha de gastos, por exemplo, é uma boa opção para calcular os possíveis gastos que o casal terá com a casa nova. Dá para encontrar uma série de modelos gratuitos e disponíveis para download. Tudo o que você precisa é uma pesquisa rápida no seu buscador favorito.

Comprar ou alugar: calculadora

Alguns sites também oferecem calculadoras digitais que permitem simular se é melhor alugar ou comprar um imóvel. A opção disponibilizada gratuitamente pelo portal G1, por exemplo, é uma boa pedida para definir qual modalidade é mais vantajosa para você e seu amado.

Veja mais sobre casa nova no nosso perfil no Pinterest 

</>

Tags da matéria

Comentários