Se tem uma tendência que está ganhando o coração das brasileiras são os tons vibrantes. Tanto nas passarelas internacionais, como Gucci, Versace, Moschino, quanto nas nacionais, com várias marcas brasileiras vistas nas passarelas do SPFW, os tons intensos são apostas para o look do dia.

Veja também:  Vestido de madrinha de casamento | Cores para o verão 2019

tons vibrantes para madrinhas
Foto: Meredith Lord Photography

 

Para as madrinhas, essa cartela também pode ser uma opção, especialmente para quem está em busca de uma produção moderna.

“A noiva é, claro, a atração principal de um casamento. No entanto, quando ela te chama para ser madrinha, isso quer dizer que ela quer que você brilhe junto com ela.  Por isso, vejo como um carinho e uma homenagem das madrinhas que se preparam e estão antenadas nas tendências de moda, como os tons vibrantes”, comenta Tâmara Guzmán, stylist de nomes como as apresentadoras Isabella Fiorentino e Ticiane Pinheiro.

Para ela, o primordial é se autoconhecer cada vez mais, especialmente quando se fala em um look festa, que costuma ter uma importância enorme. “Comece entendendo cada parte do seu corpo e procure um modelo que converse o máximo possível com os seus gostos e a sua forma. De nada adianta você estar usando a cor do momento, se você não consegue se sentir segura no modelo que está vestindo”, enfatiza ela.

Veja também:  Vestidos longos para casamento para grávidas | Madrinhas e convidadas

tons vibrantes
Foto: Cathrine Taylor Photography

Como começar a usar os tons vibrantes no vestido de madrinha?

A personal stylist Juliana Parisi ensina que a primeira dica para usar tons vibrantes é levar em consideração o estilo da cerimônia.

“Será à noite ou durante o dia? Em um salão de festas ou na praia? Além disso, saber qual o estilo dos noivos, se mais elegantes ou mais descontraídos, ajudam bastante.  Todas essas informações farão muita diferença na hora da escolha de um vestido mais elegante ou mais leve, com ou sem brilho. A segunda dica é optar por um modelo que valorize seu tipo físico e realce as partes que você mais gosta, além de escolher uma cor que destaque o seu tom de pele”, explica a profissional, que tem mais de nove anos de experiência no mercado da moda.

tons vibrantes
Foto: Jenny Yoo Alanna Bridesmaid Dress

Veja também:  Como combinar vestido de madrinha marsala à decoração de casamento

Quais as cores para apostar em 2019?

Coloque na sua listinha de escolhas os tons quentes e intensos. “O ano de 2019 promete tons vibrantes e cheios de personalidade. As principais apostas são os amarelos, rosas, vermelhos, roxos e verdes. Quem gostar de algo ainda mais moderno pode apostar na pegada neon, que será um grande diferencial”, aponta Dayla Domingos, estilista da grife Classic.

Além desses, Tâmara sugere a cor do ano escolhida pela Pantone, a Living Coral. “Apesar de eu não ser tão fã dessa cor, acho que também dá para pegar tonalidades a partir dela. Sou apaixonada pelo fúcsia e pelo menta, que ficam lindos em looks formais.”

tons vibrantes
Foto: Ace & Him

Veja também:  Como usar estampa no vestido para madrinha de casamento

Quero começar a usar tons vibrantes, mas ainda tenho medo… Como lidar?

A dica é unânime entre as três consultoras de estilo: para quem não quer arriscar no look inteiro com um tom vibrante, a melhor aposta é começar pelos acessórios!  

“A maneira que eu mais gosto são pelas bolsas. Por serem pequenas e normalmente estruturadas, elas irão se destacar na produção, complementando um vestido mais neutro. Os brincos também podem ser outra aposta moderna para destacar o rosto. Nos sapatos e anéis, a cor ficará mais discreta, mas também são boas opções”, destaca Juliana.

Os acessórios do momento são muito variados e a tendência é misturar texturas, banhos cores e tudo ‘all much’! Para um passo depois, um mix de texturas também é válido e a assimetria vem com tudo!”, adianta Dayla.

tons vibrantes
Foto: Alders Photography

Para os tons vibrantes, quais os tipos de tecido harmonizam melhor com um vestido de festa?

Pode até parecer o contrário, mas os tecidos podem ajudar ou acabar com a sua produção mais formal. Tâmara explica que os fluidos são as melhores opções para os tons vibrantes.

“Quando você usa algo mais encorpado, pode ser estiloso demais, chamar muita atenção para você. Hoje em dia, há tecidos como musseline, jersey ou até um crepe mais leve podem funcionar muito bem”, revela ela. Para Dayla, a escolha dos looks de festa deve estar de acordo com o objetivo que a madrinha quer alcançar.

“Alguns tecidos não casam com alguns modelos e podem arruinar uma peça. Para essa estação das temperaturas mais altas,  eu sugiro tecidos leves e fluidos como cetim, chiffon e musseline, para os tons vibrantes.”

tons vibrantes
Foto: William Innes Photography

 

Veja também: Como combinar o vestido de madrinha? Confira dicas e inspirações

A seda também é sempre uma ótima escolha, como enfatiza Juliana,  independente da cor, por ser um tecido leve, macio e com um brilho sutil e natural.

“Outra opção é a renda, por ser delicada e deixar o visual sempre elegante. Chiffon e organza são boas opções por serem levemente transparente e deixarem a cor vibrante mais delicada. Evite os tecidos como o cetim e tafetá, por terem um pouco de brilho e deixar a produção chamativa demais”, complementa ela.

Se a noiva já escolheu uma paleta de cores vibrantes, fique atenta a essas dicas!

Tente escolher a cor que você mais se identifique entre as cores disponíveis. As especialistas ensinam que o ideal é pegar uma cor base e compor com outros tons nos acessórios, para equilibrar o resultado final.

E lembre-se: não é apenas a cor que importa para o vestido ficar elegante. O ideal é se sentir bem e de alguma forma agradar a pessoa mais importante do dia!

Veja também:  20 modelos de vestidos de madrinha rosa para arrasar no altar

Dica extra: como descobrir a paleta da sua coloração pessoal 

Você talvez já deve ter ouvido falar da análise de coloração pessoal, certo? É quando você descobre quais as cores certas que vão iluminar o rosto, suavizar a textura da pele e equilibrar os traços.

Para te ajudar, pedimos para a Juliana dar algumas dicas de como começar a entender as suas cores!

A primeira análise é o tom de pele, que pode ser quente – quando sua pele tem mais pigmentação amarela na pele e você fica facilmente bronzeada – ou um tom frio – quando sua pigmentação é mais rosada e você normalmente tem a pele mais branca e fica vermelha ao tomar sol. Se sua pele é quente, você ficará melhor com cores quentes como dourado, amarelo, laranja, vermelho tomate, verde bandeira, entre outras. Para as peles frias, a melhor cartela seria de cores frias que são prata, vinho, pink, azul royal, bordo entre outras”, comenta Juliana

tons vibrantes
Foto: Lori Paladino

 

Veja mais inspirações de vestidos para madrinhas no nosso perfil no Pinterest 

</>

Tags da matéria

Comentários