Revista

Como se preparar para a primeira gravidez?

Está planejando “encomendar” um bebê? Veja dicas para encarar a gravidez

Você mal vê a hora de ter um bebezinho? Já está planejando aumentar a sua nova família? Cada casal tem uma história diferente: alguns resolvem engravidar antes e depois realizar uma festa de casamento, outros mal casam e já querem um filho e outros preferem curtir alguns anos a dois antes de tomar a decisão. Independente da sua história, sabemos que se preparar para a gravidez é fundamental.

gravidez

Foto: Shutterstock

 

Leia também: Noivas grávidas: 8 cuidados essenciais no casamento

Veja dicas de especialistas para lidar com este momento tão especial e se preparar para primeira gravidez:

1 – Faça uma avaliação geral antes da gravidez

gravidez

Foto: Shutterstock

 

De acordo com a ginecologista Alessandra Fernandez, o ideal é que a mulher que está programando engravidar avalie de forma geral sua saúde para uma gestação saudável.

Dentre os exames que devem ser realizados estão:

  • exames de sangue como tipo de sangue;
  • hemograma para avaliar eventuais anemias;
  • glicemia para verificar taxa de açúcar no sangue;
  • colesterol e triglicérides para avaliar perfil lipídico;
  • TSH para avaliar o funcionamento da tireoide;
  • sorologias para a avaliar imunidade à toxoplasmose, rubéola, citomegalovírus e catapora;
  • pesquisa de doenças sexualmente transmissíveis como sífilis, HPV, HIV;
  • dosagens hormonais.

“Temos que lembrar que é muito importante pesquisar e diagnosticar doenças prévias ou crônicas, como hipertensão, diabetes ou alterações da tireoide, para podermos controlá-las adequadamente antes de engravidar”, explica Alessandra.

2 – Tome ácido fólico antes de engravidar

Se você fez os exames e está tudo certo, um passo super importante antes de engravidar é tomar o ácido fólico. “Ele corresponde à vitamina B9 do complexo B e é de fundamental importância para a formação do tubo neural no feto, que começa por volta da 3ª semana. Esta estrutura dá origem ao cérebro e medula espinhal, por isso sua grande importância – sua carência pode comprometer o desenvolvimento do sistema nervoso fetal”, justifica Alessandra.

A suplementação deve ser iniciada quando a mulher começar as tentativas de engravidar, segundo Alessandra.

3 – Tome as vitaminas necessárias

gravidez

Foto: Shutterstock

 

Alessandra conta que geralmente prescreve um polivitamínico com suplemento de ômega 3/6/9 (existem vários específicos para gestantes nas farmácias). “A demanda de alguns elementos e vitaminas aumentam muito na gestação, tanto por parte da mulher quanto por demanda fetal”, expõe Alessandra.

Leia também: Gravidez e casamento: 8 dicas para lidar com esse momento

4 – Verifique o medicamentos utilizados

Caso você esteja utilizando algum tipo de medicamento, é bom consultar seu médico. “Em relação aos medicamentos usados para controle de doenças crônicas ou preexistentes, devemos ajustá-los ou trocá-los sempre que necessário antes da gravidez. Existem várias medicações, produtos e drogas que devem ser evitados na gravidez. Por isso, se está tentando engravidar, procure um especialista para orientações”, alerta Alessandra.

5 – Mantenha hábitos saudáveis

gravidez

Foto: Shutterstock

 

Se você tem uma alimentação desregrada ou se está acima do peso, é importante cuidar desse aspecto antes de engravidar. “Devemos comer o mais saudável possível durante a fase de tentativa de gravidez, pois o controle e o peso adequado tem grade importância nesta fase. Deve-se evitar alimentos gordurosos, frituras e não exagerar nos carboidratos nem na cafeína”, pontua Alessandra.

Álcool, drogas ilícitas e fumo também são terminantemente proibidos para quem está tentando engravidar, de acordo com Alessandra.

6 – Controle o estresse

Outro ponto de suma importância para quem está planejando uma gravidez é o controle do estresse. “Ele é capaz de alterar a produção de hormônios e aumentar a dificuldade de engravidar”, afirma Alessandra.

Leia também: Medicina integrativa para noivas: alívio do estresse e da ansiedade

7 – Pode fazer exercício físico?

gravidez

Foto: Shutterstock

 

Muitas grávidas ficam em dúvida com relação à prática de exercícios físicos. Para Alessandra, quando não há contraindicação, são liberados e bem-vindos, principalmente se estes já fazem parte da rotina da mulher.

8 – Mantenha seu cartão de vacinas atualizado

Alessandra aponta também que manter a carteirinha de vacinas atualizada é fundamental para quem está pensando em engravidar.

9 – Práticas para melhorar a fertilidade do casal

Para aumentar as chances de engravidar, Alessandra recomenda ter relação sexual em dias alternados (dia sim, dia não) durante 7 a 10 dias do período fértil (a contagem depende do ciclo menstrual da mulher para ser calculada). “Converse com seu ginecologista e obstetra para entender melhor”, comenta.

Veja mais no nosso perfil no Pinterest

</>

Sobre:

#
Marina Pastore

Marina Pastore é jornalista e trabalhou na Folha de S.Paulo. Desde 2011, quando começou a organizar seu próprio casamento, se apaixonou pelo assunto e criou um blog, o Vestida de Branco, para dividir ideias, opiniões e dúvidas. Anos depois do seu casamento, ainda adora falar sobre o assunto, ajudar as noivas e compartilhar inspirações – seja de festas, para casa ou de viagens. Ah, e ainda se emociona ao ver lindas histórias de amor!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Av. Dr. Chucri Zaidan 1550, 31º - São Paulo - CEP: 04711-130 - CNPJ: 08.762.226/0001-31 © iCasei 2007 - 2019