Revista

Como lidar com pais separados no casamento?

Veja dicas para lidar com os preparativos, o cortejo e para a festa sem causar situações constrangedoras

Seus pais ou do seu par são separados? Você já pensou em como incluí-los nos preparativos do casamento sem gerar ciúmes? E como fará o cortejo do casamento? Como evitar saias justas com pais separados no casamento? Estas são questões às vezes geram um pouco de dor de cabeça, mas podem ser facilmente resolvidas.

Veja dicas de assessoras para lidar com pais separados no casamento:

Durante os preparativos do casamento

Como incluir os pais nos preparativos do casamento quando eles são separados? O primeiro ponto a ser analisado é o quanto eles são dão bem.

“Já tive vários casos, tanto de pais que se dão super bem, inclusive com os novos cônjuges, como aqueles pais que não querem nem ficar próximos um do outro. O importante é respeitar o limite de interação que os pais querem ter um com o outro, e fazer com que eles participem daqueles assuntos que mais gostam, sejam juntos ou separados”, comenta a assessora Samantha Rossetti.

Leia também: Como aproveitar ainda mais a relação com os pais

Caso a relação não seja tão boa, para não causar ciúmes, você pode convidá-los para reuniões com fornecedores diferentes.

“A mãe pode ajudar, por exemplo com decoração e doces e o pai com música e bebidas, leve-os em provas do vestido em datas diferentes, leve os dois em dias diferentes também para visitar o local do casamento, não tem muito segredo. Se o casal tiver uma empresa de assessoria, esse profissional poderá ajudar a fazer a ponte entre eles e organizar as reuniões e visitas de forma a atender aos dois lados”, sugere a assessora Carol Rodrigues, da Avec Toi.

Como fazer o cortejo quando os pais são separados?

pais separados

Foto: Shutterstock

 

O cortejo da cerimônia é um dos pontos mais delicados para quem tem pais separados que não se dão bem – especialmente na saída, em que os pais costumam sair de braços dados. E pode haver situações delicadas quando os pais são casados novamente.

Leia também: Músicas para a entrada dos pais: 20 sugestões para o momento

Adriana Bicudo, da Biscuit Eventos, aponta que atualmente as coisas são mais flexíveis com relação a esses protocolos.

“Eu já vivi diversas situações como essas. Com relação a entrada, em geral não há problemas pois os pais não entrariam juntos, já que a noiva entra com o pai, o noivo entra com a mãe e a mãe da noiva, com o pai do noivo”, comenta Adriana.

“Caso a noiva não queira a madrasta ou padrasto no altar, pode colocá-los na primeira fileira de bancos e apenas os pais no altar. O importante é todos sentirem-se bem e à vontade com o que estão fazendo e que isso seja conversado antes”, finaliza Adriana. .

Nesse caso a solução é colocar um par para cada um deles. “Se já tiverem um segundo casamento, cada um pode fazer par com seu atual cônjuge, ou com algum parente próximo, como por exemplo irmão ou irmã. E se apenas um dos pais já tiver um segundo relacionamento, os noivos podem mesclar colocando o pai/mãe com o atual relacionamento e o outro pai/mãe com alguém próximo da família” recomenda a assessora de eventos Luciana Freitas.

Leia também: Cortejo do casamento | Ordem de entrada e saída na cerimônia

pais separados

Foto: Shutterstock

 

No caso de pais separados e sem novos pares,  Samantha sugere usar irmãos, primos, tios… qualquer pessoa que seja especial e que possa ser o par dos pais.

“Já fiz casamentos em que, tanto a mãe como o pai entraram sozinhos e foi super legal, pois eles tinham confiança suficiente pra isso. É importante entender essas pessoas para propor a melhor maneira!”, explica.

Se tiverem novos cônjuges, eles podem fazer parte do cortejo se os noivos desejarem.

“Mais uma vez, deve ser analisado como as pessoas que mais são importantes pra vocês reagirão a isso. Se pelo pai está tudo bem que a mãe entre com seu novo marido, ele deve entrar sim! Já na igreja, tudo é questão de conversar com o Padre. Cada igreja tem suas características e exigências, mas acredito que nenhum Padre exigirá que os pais entrem juntos sabendo que isso é contra a vontade deles”, explica Samantha.

pais separados

Foto: Shutterstock

 

Carol mostra algumas combinações possíveis para diferentes casos:

  1. Mãe e pai da noiva separados e não querem entrar juntos:
  • Mãe da noiva com pai do noivo
  • Acompanhante da mãe da noiva com acompanhante do pai da noiva (se não tiver problemas para eles, pode ser os irmãos, se tiverem, por exemplo)
  • Casais de padrinhos
  • Noivo com a mãe – o noivo também pode ser o primeiro a entrar, eu sempre faço de acordo com a vontade deles, alguns não querem entrar, nesse caso a mãe do noivo também já poderia entrar diretamente com seu par, revendo caso a caso, ou gostam de entrar antes para presenciar todo o cortejo ou gostam da ideia de entrar depois mesmo gerando um ar de suspense.
  • Noiva com pai
  • O mesmo pode se aplicar para os pais do noivo.

2. Caso os pais da noiva e do noivo sejam separados e não queiram sair juntos:

  • Mãe da noiva com seu acompanhante
  • Pai do noivo com seu acompanhante
  • Acompanhante do pai da noiva com acompanhante da mãe do noivo
  • Casais de padrinhos

3. Outra possibilidade é fazer o cortejo em estilo americano. Assim, como os padrinhos entrariam e sairiam todos separados intercalando mulheres e homens.

Desta forma, não fica estranho os pais entrarem e saírem sozinhos, mas caso os pais de um lado sejam casados não funcionaria porque com certeza iriam querer sair juntos.

Como fazer durante a festa?

pais separados

Foto: Shutterstock

 

Montar uma mesa grande para incluir toda a família ou deixar uma mesa só para os noivos? Veja algumas opções sugeridas por Adriana, Carol, Luciana e Samantha:

  • Montar a mesa dos noivos, a mesa da mãe e a mesa do pai. Todas separadas. Assim cada um dos pais se senta com sua atual família, sem nenhum constrangimento e os noivos podem circular entre as mesas dos pais.
  • Criar uma mesa comunitária e deixar os pais em lados opostos, caso eles aceitem.
  • Como durante a festa há muitas pessoas para cumprimentar e falar, acaba sendo raro o momento em que todos se sentam à mesa. Se o casal quiser manter a mesa (afinal, é sempre uma das mais lindas e decoradas), ela pode existir e eles podem deixá-la livre para sentarem os padrinhos ali, ou até os familiares, mas sem a obrigação de todos sentados juntos no mesmo momento.

Leia também: Como lidar com pais separados | Bel responde

Fotos protocolares no casamento com pais separados

As fotos protocolares são aquelas mais posadas, que geralmente são feitas com os pais, irmãos, padrinhos e avós. É o tipo de foto que vai para o porta-retrato e que são super importantes para guardar de recordação.

Adriana, Carol, Luciana e Samantha afirmam que quando os pais são separados, de forma geral, mesmo quando a relação não é das melhores, eles acabam cedendo e tiram fotos juntos. No entanto, também há casos em que os pais não se sentem à vontade e preferem fazer fotos separadas.

Caso haja novas famílias (padrasto/madrastas e irmãos), os noivos também podem fazer fotos
protocolares com eles.

pais separados

Foto: Shutterstock

Sobre:

#
Marina Pastore

Marina Pastore é jornalista e trabalhou na Folha de S.Paulo. Desde 2011, quando começou a organizar seu próprio casamento, se apaixonou pelo assunto e criou um blog, o Vestida de Branco, para dividir ideias, opiniões e dúvidas. Anos depois do seu casamento, ainda adora falar sobre o assunto, ajudar as noivas e com...

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Av. Dr. Chucri Zaidan 1550, 31º - São Paulo - CEP: 04711-130 - CNPJ: 08.762.226/0001-31 © iCasei 2007 - 2019