Nem clássico ou moderno. Uma decoração para casamento rústico à noite precisa de escolhas certeiras para a caracterização. Pensar no local do evento e na mobília que irá compor o ambiente são pontos chaves para quem opta pelo estilo.

Os traços rústicos remetem a ambientes naturais e construídos de forma orgânica. Dessa forma, a decoração e construção do evento seguem essa ideia. Desde o formato dos arranjos até a composição das mesas.

Decoração para casamento rústico à noite: simples ou sofisticado

Caká Oliveira, da Cacá & Caká Arquitetura de Eventos, recomenda que o primeiro passo é pensar no mobiliário do evento e não confundir rústico com móvel de época. “É legal usar peças em madeira, envelhecidas, sem muito acabamento ou detalhes. Um entalhamento, por exemplo, não entra no rústico”, comenta.

Foto: Helô Távora

 

Para a profissional, caixotes e paletes podem compor a decoração rústica para o casamento, de dia ou de noite. Entretanto, Caká lembra que o uso de materiais brutos não remete a itens mais baratos. “Os noivos até podem economizar na mobília, mas vão precisar investir em outros itens decorativos, como velas, flores e peças para mesas.”

A decoradora Helô Távora lembra que, por ser à noite, a decoração de casamento rústico chique vai ser mais pedida. “Eventos noturnos tendem a ter um requinte a mais quando estamos falando de opções naturais ou descontraídas.”

Foto: Cacá & Caká Arquitetura de Eventos

 

Sobre o mobiliário, Helô vê possibilidades de peças clássicas surgirem, dependendo da situação. “Uma penteadeira da noiva, ou de uma das avós, por exemplo. Mesmo sendo algo que foge do estilo, fica legal. Isso porque contam uma história no momento do casamento. Acho que isso prevalece.”

Escolha do local

Caká retoma a escolha do ambiente, considerando essa etapa do planejamento do evento, ideal para quem opta no estilo de decoração casamento rústico – romântico ou despojado. A melhor opção é escolher por locais abertos e menos clássicos.

Foto: Helô Távora

 

“Um salão branco, fechado, dá para adaptar à decoração para casamento rústico à noite, mas vai ser mais trabalhoso. Se os noivos querem esse estilo, o ideal é pensar em um ambiente com bastante presença de verde e natureza de forma geral.”

Helô afirma que, caso os noivos tenham alguém próximo com uma casa de campo que suporte o evento, é uma ótima opção. “Fica muito legal, pois retomamos a ideia de elementos com significado no casamento. Se as paredes do local forem revestidas de tijolinho vai ficar bem bacana.”

Opções que vão além da madeira

Flores, velas e luzes em corda são algumas das opções para a ocasião, seja em um casamento rústico simples e econômico ou com orçamento maior. Caká lembra que as velas, por exemplo, caem bem em praticamente todos os estilos.

“Ela dá uma ambiência, um ar intimista, principalmente quando usada a noite”, comenta a profissional. Entretanto, Helô lembra que, por uma questão de segurança, o suporte para velas precisa contar com uma proteção em volta da peça, para evitar qualquer incidente com fogo.

Foto: Helô Távora

 

Pensando em flores, o recomendado é que os arranjos sejam mais desconstruídos e que remetam a algo natural. “Opto por fugir do clássico e usar folhagens, sementes ou flores em vasos. Orquídeas e Flores do Campo ficam bem legal”, conta Caká.

Helô orienta evitar também os arranjos em forma de bola, que geralmente remetem mais ao estilo clássico, mas vê infinitas possibilidades quanto às cores. “Rosa, amarelo, marsala, verde. Acho que em decoração rústica cabem essas e outras mais”, afirma.

Luzes em corda, em tamanho maior, ou daquelas que lembram pisca-piscas, também são opções em decoração para casamento rústico à noite. Elas dão um charme ao ambiente e podem ser usadas em forma de cortina, na parede, ou suspensas no salão.

“Fica delicado e ao mesmo tempo informal. Por isso combina bem com o rústico. Se for para fazer a cortina, recomendo as microlâmpadas. Para iluminação suspensa, daí podem ser as que chamo de gambiarra, em tamanho um pouco maior”, brinca Caká.

A profissional ressalta também que, por tratar-se de um evento à noite, é importante pensar na iluminação cenográfica, que é a principal. As luzes em corda apenas fazem parte da decoração.

Foto: Cacá & Caká Arquitetura de Eventos

Outros ambientes

Se o evento for dividido entre salão e ambiente religioso, os noivos precisarão pensar também na decoração para casamento rústico à noite na igreja. Pode até ser uma opção combinar o estilo dos dois ambientes. “Mas não necessariamente um local precisa remeter ao outro”, comenta Caká.

A profissional afirma que se a opção for levar o estilo rústico para a igreja, uma boa ideia seria apostar em arranjos florais, sem o uso de pedestais de prata, em formatos desconstruídos ou em cestos de palha ou vime.

Helô concorda com a proposta e acrescenta. “As flores do tipo aster ficam uma graça, além de ser uma opção para decoração de casamento rústico barato”, recomenda. Entretanto, a decoradora lembra que é importante pensar nas limitações da igreja e no que o local permite usar.

Foto: Helô Távora

Composição das mesas e aparadores

Além de escolher mesas em madeiras com acabamento bruto, tanto Helô quanto Caká optam por itens de decoração no mesmo estilo. Elas evitam itens em prata ou cristal, e indicam o uso de tecidos como juta ou vime.

Foto: Helô Távora

 

“Por exemplo, se não for servido jantar, nem recomendo o uso de sousplat. Porém, se os noivos fizerem questão, podem ser usados os que são feitos em vime ou materiais que imitam madeira”, afirma Caká.

Já Helô dispensa o uso de toalhas. “Um caminho de mesa fica mais legal, feito em crochê ou macramê.” A decoradora lembra que se as peças forem feitas pela noiva ou alguém próximo, podem trazer um significado a mais para o evento.

As apostas de Helô para mesas e aparadores também são em peças de porcelana pintada. Para quem estiver com o orçamento maior, a decoradora lembra do uso de faqueiro em cobre, que pode dar um toque diferenciado à composição.

Foto: Cacá & Caká Arquitetura de Eventos

Decoração no estilo faça você mesmo 

Hábito conhecido em inglês como Do It Yourself (DIY), é uma saída para os noivos que tentam enxugar o orçamento do casório. A internet contribui (e muito) para isso, com diversas ideias, inspirações e passo a passo para quem quer se aventurar em trabalhos manuais.

Com tantos detalhes na decoração, Helô e Caká recomendam aos noivos pensarem em papelaria para DIY. Confecção de cardápios com o menu do casamento, tanto para comida quanto para bebidas, é uma opção.

Porta-retratos e porta-guardanapos também podem ser fáceis de fazer, sem correr o risco dos noivos terem dor de cabeça com o assunto.

Foto: Helô Távora
Tags da matéria

Comentários