vinho para casamento (1)

A escolha do vinho para o casamento depende do cardápio. Foto: Shutterstock.

Quando se fala em vinho, a escolha é ampla. Ainda mais na terra das vinícolas, a Itália. O país possui vinhos de qualidades espalhados por todo seu território que são perfeitos para completar o menu de um casamento em grande estilo. Por isso conversamos com especialistas no assunto e descobrimos o que é que “o vinho italiano tem”, o porquê e como incluí-lo no cardápio da festa de casamento.

vinho para casamento - tinto (2)

Incluir vinho no cardápio do casamento o deixa mais refinado e clássico! Foto: Shutterstock.

Giovanna Dello Iacono, especialista em organização de matrimônios e vinhos na empresa Wedding & Wine Italy, diz que o número de boas opções torna difícil a escolha. “Cada região tem seus vinhos emblemáticos e cada um é uma expressão autêntica do território e conta a magia da Itália, que está principalmente em suas tradições”, afirma. Independente da escolha, para Giovanna, adotar o vinho no dia do “sim” só torna a ocasião ainda mais única e especial. “Desfrutar de um bom vinho e harmonizá-lo com produtos locais é uma maneira de elevar o casamento à outro nível, transformando-o em uma experiência sensorial”, completa.

Com que vinho eu vou?
Harmonia é elemento essencial para o sucesso de qualquer aspecto de um casamento. Com o vinho não é diferente. “Harmonizar é uma arte que pode ir a nuances muito aprofundadas, conforme a capacidade sensorial de cada um”, conta Lucas Cordeiro, sommelier do wine.com.br.

vinho para casamento (2)

Harmonizar é a primeira regra para vinhos. Foto: Shutterstock.

Ao harmonizar vinhos com alimentos, a primeira regra é o equilíbrio. O vinho nunca deve prevalecer sobre os alimentos – e vice-versa. Outra regra básica é sempre obedecer a sequência branco/rosa/vermelho, começando sempre da safra mais recente. “Essa sequência é usada para prevenir que o paladar sature ou que os sentidos da degustação se sobreponham ou se contrastem”, afirma Giovanna.

casamento - vinho para casamento - revista icasei (2)

Há um tipo de vinho para cada ocasião e cada cardápio. Foto: Shutterstock.

Para iniciar, a tradição manda que as festividades se iniciem com borbulhantes. “Prosecco e vinhos espumantes são a opção mais adequada para um primeiro brinde”, sugere Dello Iacono. Na sequência, a dica é um vinho branco mais estruturado ou um rosé acompanhando o primeiro prato – que na Itália será, por regra, uma massa. Se o segundo prato – e principal – for peixe, o escolhido é novamente o vinho branco, dessa vez de reserva especial. Já se for carne, a opção ideal é um belo vinho tinto encorpado. Ou seja:

vinho para casamento - revista icasei (4)

Veja também Águas aromatizadas | Aprenda a fazer!!

Lucas Cordeiro explica que a harmonização está relacionada com a acidez de cada vinho. “Os vinhos brancos, que são mais leves que os tintos e tem acidez mais acentuada, combinam com pratos leves como os à base de peixes, frango, saladas e queijos frescos, pois sua acidez equilibra o toque ácido de algumas saladas e a untuosidade dos peixes e frutos do mar mais gordurosos”, conta. O mesmo vale para os vinhos tintos. “São mais densos, tem menor acidez e trazem um componente que casa muito bem com a proteína das carnes vermelhas, o tanino.”, afirma.

vinho para casamento - branco(1)

Vinho branco, harmoniza com carnes brancas, massas. Foto: Shutterstock.

O peso dos tintos se equilibra melhor também com este tipo de carne, e com os pratos mais consistentes. Evitamos o uso de tintos com peixes, por exemplo, pois o tanino destes vinhos, em contato com a carne dos peixes, pode causar um desconfortável sabor metálico no paladar. E, no caso dos brancos, evitamos seu uso com carnes vermelhas pois sua estrutura mais leve tende a fazê-los sumir junto ao prato”, explica o sommelier.

casamento - vinho para casamento - revista icasei (3)

Vinho vermelho, hamoniza com carne vermelha e queijos encorpados. Foto: Shutterstock.

A pedido do iCasei, a equipe do Wedding & Wine Italy criou algumas sugestões de harmonização de vinhos italianos com comidas. O sommelier da empresa italiana os avaliou. Confira:

vinho para casamento - revista icasei (1)

vinho para casamento - revista icasei (2)

Veja também Buffet de Casamento | Como escolher o seu?

Como faz?
Lucas Cordeiro explica que o que torna o vinho tinto, rosé ou branco, além das uvas utilizadas, é o processo de produção do vinho. O sommelier conta que a cor do tinto e do rosé vem das cascas das uvas tintas. Durante a produção de vinho, a casca transfere matéria corante para o mosto (suco da polpa da uva) durante o período em que fica em contato com ele (maceração). Quanto mais tempo de contato do mosto com as cascas tintas, mais escuro fica o vinho. Já o rosé tem sua cor típica devido ao contato de curto tempo entre as cascas e o mosto. Não se produz um tinto ou um rosé de uvas brancas, mas pode-se fazer um branco de uvas tintas, pois no processo de produção dos brancos, as cascas são descartadas.

produção vinho para casamento - revista icasei

O processo de produção do vinho e as cascas interferem no sabor do vinho. Foto: Shutterstock.

Confira alguns vinhos italianos sugeridos por Lucas que são perfeitos para completar o menu do seu casamento (Todos disponíveis no wine.com.br):

  vinho para casamento - revista icasei (3)

 

Vinhos certificados
Para uma experiência completa, cabe ressaltar a procura cada vez maior por vinhos certificados. “A Itália é, de fato, o país com a maior seleção de vinhos certificados do mundo, com 330 rótulos DOC, 118 IGT e 73 DOCG”, completa a representante do Wine & Wedding Italy.

revista icasei - vinhos (1)

A certificação dos vinhos é algo cada vez mais procurado pelos consumidores. Foto: Shutterstock.

Quantidade ideal

Cada casamento é um evento único e incomparável. Por isso, a quantidade ideal varia muito de festa para festa – e do “pique” dos convidados para o consumo de bebidas. Segundo Dello Iacono, o ideal é que, para o vinho de mesa, se calcule uma garrafa para cada dois adultos. Uma vez que cada garrafa rende em média 5 taças, o cálculo é feito multiplicando o número de convidados por dois e dividindo por cinco.

vinho para casamento - revista icasei (5)

 

 

Tags da matéria

Vai se casar?

Assine a nossa newsletter e fique por dentro das últimas novidades e tendências!