Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Shutterstock

Chegou o momento de escolher se vai usar véu ou não? Está em dúvida sobre as diferenças entre véu, mantilha, voilette e grinalda? E mais, não sabe como escolher ou se vai combinar com o seu vestido? Nós vamos dar uma ajudinha para você conhecer melhor esses charmosos itens e arrasar no seu Grande Dia.

O Véu

Usado por mulheres de diferentes culturas ao longo da história, para as noivas romanas os véus coloridos serviam para espantar maus espíritos e também dispensar novos pretendentes. O uso da cor branca passou a ser um símbolo de pureza e fidelidade da mulher, e durante a cerimônia o véu se tornou símbolo da passagem da vida de solteira para a nova vida de casada.

E por toda a força de sua tradição, o véu, geralmente, é o mais escolhido pelas noivas. Daí surge a dúvida: Qual véu escolher?

Vamos lá, a primeira coisa que a noiva precisa ter em mente é que não há uma fórmula mágica, nem uma regra geral, mas há uma certa etiqueta para auxiliar na escolha do véu. Para a assessora de casamentos Beatriz Dias, a pessoa mais indicada para auxiliar a noiva é a estilista, pois ela vai levar em conta o vestido e fazer uma combinação perfeita, considerando também o gosto pessoal da noiva.

Beatriz garante que o tamanho do cabelo, por exemplo, não influencia na escolha do véu, mas é fundamental observar o tipo do vestido, horário e local da cerimônia. Geralmente nos casamentos realizados pela manhã caem bem o uso do véu curto. Casamentos à tarde, o véu médio e para os casamentos noturnos, véus longos.

Vejamos os tipos de véus:

1. Véu Catedral ou Longo

Modelo mais tradicional de véu, geralmente possui de dois a cinco metros. É mais utilizado com vestidos longos em casamentos noturnos.

Atenção: Se o seu vestido possui cauda, é indicado não usar um véu catedral com dupla camada ou muito volumoso, isso vai poluir sua composição e causar desconforto para andar.

Véu Catedral ou Longo - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Divulgação Pronovias

2. Véu Ponta de Dedo

É isso mesmo, o nome desse modelo se dá porque seu comprimento vai até a ponta dos dedos das mãos da noiva. Uma graça não é? Exceto com vestidos curtos, esse tipo de véu combina com vários outros estilos de vestidos.

Véu Ponta de Dedo - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Divulgação Casa Eventos

3. Véu Cotovelo

Um pouco mais curto que o anterior, esse véu tem seu tamanho medido pela altura dos cotovelos da noiva. Bem personalizado, concorda? Esse tipo de véu combina com todo tipo de penteado, pois destaca a cintura da noiva.

Importante: É bom que o vestido de casamento seja mais simples, seja curto ou longo e, no caso do longo, sem cauda.

Véu Cotovelo - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Divulgação Noivas.net

4. Véu Ombro

Esse é o véu curto e cai super bem com vestidos curtos, tomara-que-caia e cerimônias à luz do dia, num clima mais leve e despojado.

Véu Ombro - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Divulgação Luxo de Festa

 

Veja também: 7 Modelos de Véu para Casamento | Escolha o seu

 

A Mantilha

De origem hispânica, a mantilha também tem seu significado na tradição que confere à noiva pureza e juventude. É bem parecida com o véu, por cobrir cabelos e ombros e, como alerta Beatriz, “temos o costume equivocado de chamar o véu com aplicação de rendas nas bordas de mantilha”. Por isso, muitas noivas podem se equivocar com as peças e usar o véu com renda na borda pensando ser a mantilha. A mantilha geralmente é importada, passada de geração para geração, de mãe para filha e é feita em tecido mais pesado, toda trabalhada em renda.

O ideal é que a renda da mantilha seja a  mesma do vestido, ou que o vestido não tenha renda. Para as mantilhas bordadas, o mesmo bordado deve ser o utilizado no vestido. O cuidado é para o visual não ficar poluído.

A Mantilha - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Pinterest Marine Fonteyne & Photographers 

mantilha - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Pinterest noivadeevase.com

A Grinalda

As peças que compõem o penteado são a grinalda. Esses acessórios podem ser tiaras, coroas, flores ou presilhas, por exemplo. As opções são diversas e elas também podem ser usadas com o véu ou a mantilha. O importante é compor o penteado e o look para escolher o acessório ideal.

Grinalda - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Pinterest Diana Cantidino Grinalda - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Pinterest Michele Azevedo

 

Veja também: de véu ou grinalda?

 

O Voilette

Voillettes são bem curtos e podem cobrir o rosto da noiva completamente ou apenas parte dele, e pode ser preso com chapéu, tiara, presilha ou também flores. O voilette dá um ar muito sofisticado para o look e é, com certeza, uma peça com grande destaque. Como afirma Beatriz, “O Voilette é usado pelas noivas mais descoladas. Muitas ficam com medo de parecerem modernas demais, de chocar os convidados e familiares, e acabam optando pelo véu tradicional. Para usar um voilette é preciso ter personalidade!”, completa a assessora de casamentos.

Voilette - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Pinterest Voilette - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Pinterest

Queridinho das brasileiras

Os vestidos tomara-que-caia são os queridinhos das brasileiras, nesse caso, se o vestido não for feito em renda ou se não contém bordados, um véu todo em renda fica incrível. A mantilha também pode ser usada, vai ficar bem charmosa. Para os vestidos com frente única, a melhor opção é escolher um véu longo ou a tradicional mantilha. Eles vão destacar o colo e ainda assim cobrir uma parte do corpo, o que fica muito elegante.

vestido tomara que caia - Véu, mantilha, voilette e grinalda

Imagem: Blog Dica Fatal

Agora que você já conhece um pouco mais sobre as opções e está inspirada, comece a definir o seu estilo e se prepare para arrasar. Confira os Vestidos e joias para noivas no Destaques do Casamoda Noivas 2014

Tags da matéria

Vai se casar?

Assine a nossa newsletter e fique por dentro das últimas novidades e tendências!