Para os casais que querem passar a lua de mel não tão distante, que tal conhecer os locais mais lindos da América do Sul? Vamos ajudá-los nessa tarefa! Listamos os TOP 10 destinos que você não pode deixar de conhecer. Confira!

1. San Andrés, Colômbia Lua de Mel em San Andrés.
Aqueles que amam uma linda praia, de águas cristalinas e clima de verão, não podem deixar de conhecer essa ilha. Ela fica na Província de Santa Catalina, na Colômbia.

O que fazer?
A ilha oferece diversos esportes aquáticos para os amantes da categoria, além de restaurantes ótimos e hotéis de alto padrão.

Hotéis
Decameron Aquarium
Casablanca
Casa Harb

Informações úteis

– Idioma: a língua oficial é o espanhol, por fazer parte da Colômbia. Mas o inglês é tão usado quanto. Tanto que as escolas dão um ensino bilíngüe inglês-espanhol. Além das duas, o Criollo – uma mistura de Inglês, espanhol e Francês – é a língua falada pelos nativos.

– Não precisa de visto nem passaporte.

– Nenhuma vacina é exigida.

– Um cartão de turismo, no valor de 48.000 COP, é exigido para conhecer as ilhas de San Andrés, Providência e Santa Catalina. O cartão é vendido nas próprias companhias aéreas antes da chegada à ilha, sendo exigido tanto na entrada como na saída, por isso não o perca.

– A moeda utilizada em San Andrés é o peso colombiano. Cartões de crédito e dólar são amplamente aceitos.

2. Mendoza, Argentina

Lua de Mel em Mendonza.

Aos pés da Cordilheira dos Andes, esse destino tem atraído muitos brasileiros, principalmente por sua rota de vinho, bons hotéis e ótima gastronomia. Além da bela paisagem, os amantes de esportes radicais vão adorar o destino.

O que fazer?

Algumas vinícolas, como a Bodega Ruca Malen, a Bodega La Azul, a Bodega Catena Zapata e a Casarena Bodegas y Viñedos, promovem visitas guiadas pelos parreirais e degustações. Durante o passeio, é possível adquirir os produtos das marcas e almoçar no local.

O Parque General San Martín é outro ponto alto da cidade, com uma vegetação abundante e belos cenários. Por toda a região, é possível fazer passeios de bicicleta.

Hotéis

Park Hyatt Mendonza

Diplomatic

Cavas Wine Lodge

Informações úteis

– Idioma: Espanhol.

– Brasileiros não precisam de visto tanto para a Argentina como para o Chile.

– Não é necessária nenhuma vacina.

– Moeda: Peso argentino; há notas 2, 5, 10, 20, 50 e 100, e moedas de 1 peso e de 1, 5, 10, 25 e 50 centavos. Peso chileno; notas de 1.000, 2.000, 5.000, 10.000 e 20.000 pesos, e moedas de 1, 5, 10, 50, 100 e 500 pesos.

3. Fernando de Noronha, Brasil

fernando-de-noronha-lua-de-mel-revista-icasei-(1)

Esse paraíso brasileiro se tornou Patrimônio Mundial da Unesco e é um dos mais belos lugares do mundo! Com uma fauna marinha riquíssima e encantadora, a ilha atrai, principalmente, os amantes de mergulho e esportes aquáticos.

Há restrição no número de visitantes e taxas a serem pagas (http://www.noronha.pe.gov.br/), por isso é importante se preparar com antecedência.

O que fazer?

Além dos esportes aquáticos, aqueles que amam as trilhas também ficarão encantados com o local. As trilhas ecológicas do Jardim Elizabeth, da Costa Esmeralda ou da Baía do Sancho, que culmina com uma descida por um conjunto íngreme de escadas esculpidas na divisão de uma falésia, são ótimas pedidas.

Hotéis

Pousada do Vale

Pousada Triboju

Pousada Solar de Noronha

Informações úteis

– Idioma: português.
– Para brasileiros: passaporte (válido até o término da viagem) ou RG (Carteira de Identidade Civil emitida pela Secretaria de Segurança Pública dos Estados), CREA, CRM, OAB, Carteira de Habilitação, Carteira de Identidade Militar, entre outros documentos de identidade civil válidos em território nacional, desde que o mesmo esteja em bom estado de conservação.

– Para Estrangeiros: passaporte válido (mínimo de 6 meses) ou RNE válido (Registro Nacional de Estrangeiros).
Estrangeiros não residentes no Brasil deverão embarcar com passaporte válido (mínimo de 6 meses) e tarjeta de entrada no Brasil carimbada pela imigração do aeroporto. Quanto à necessidade de visto, o hóspede deve procurar diretamente o Consulado brasileiro no seu país de origem.
Não será permitido o embarque com cópia de documentos, mesmo que autenticados.

– É recomendável tomar a vacina contra Febre amarela (tomar 10 dias antes da viagem).

4. Deserto do Atacama, Chile

deserto-do-atacama-lua-de-mel-revista-icasei-(6)

Para quem quer conhecer um deserto, mas não abre mão do luxo e requinte, o Atacama é o local ideal. Com as paisagens belíssimas e hotéis luxuosos, o local oferece uma experiência única para os casais.

O que fazer?

Conhecer o deserto e as montanhas é fundamental para quem procura esse destino. Nos hotéis há também SPAs e trilhas para os amantes de natureza.

Hotéis

Tierra Atacama

Awasi Atacama

Cumbres San Pedro de Atacama

Informações úteis

– Idioma: espanhol.

– Brasileiros não precisam de visto. Levar passaporte e RG.

– Não é necessária nenhuma vacina.

– Moeda: Peso chileno; notas de 1.000, 2.000, 5.000, 10.000 e 20.000 pesos, e moedas de 1, 5, 10, 50, 100 e 500 pesos.

5. Cartagena, Colômbia

lua-de-mel-em-cartagena-revista-icasei-(5)

Romântica e sofisticada, a cidade traz a impressão de que se está em um pedacinho da Europa. Além da charmosa cidade, para os amantes de praia não faltarão opções! Passear pelas ilhas do Arquipélago de Rosário, com águas clarinhas, é uma sensação única.

O que fazer?
A pé, de bicicleta ou em um passeio de carruagem, não se pode deixar de conhecer a Cidade Amuralhada. A muralha cerca a parte antiga da cidade e concentra alguns dos principais pontos turísticos, como a Torre do Relógio, o Palácio da Inquisição, igrejas, praças e museus, além da própria muralha com seus baluartes. Um pouquinho fora do centro, porém não menos importante, estão o imperdível Castelo de San Felipe e o Convento Santa Cruz de La Popa, com uma vista espetacular.
E para quem quer curtir um bom restaurante à noite, com música regional, não pode deixar de ir ao La Vitrola.

Hotéis
Santa Clara Cartagena
San Pedro
Casa San Augustin

Informações úteis

–  Idioma: espanhol Castelhano

– Brasileiros não precisam de visto.

– É recomendado tomar vacina de febre amarela (15 dias antes) e o governo colombiano sugere tomar a antitetânica e contra hepatite A e B.

– Moeda: Peso colombiano.

6. Patagônia, Chile/Argentina

patagonia-lua-de-mel-america-do-sul-revista-icasei-(2)

 

Dona de uma beleza exuberante, e indicada para os amantes de esportes radicais e natureza, a Patagônia encanta os visitantes. Pertinho do Brasil, e enorme em sua extensão, é impossível conhecê-la totalmente em apenas uma viagem. De um lado, temos os Andes, do outro o Oceano Atlântico gelado e rico em espécies marinhas.

O que fazer?
Os esportes radicais não podem ficar de fora! A maioria dos turistas vai à Bariloche e desce as montanhas geladas. Outro paraíso a se conhecer é El Calafate, dono de uma das vistas mais belas da América do Sul e patrimônio da biosfera. As famosas Torres del Paine também não podem ficar de fora!

Hotéis
Charmim Bariloche
Llao Llao
Los Cauquenes

Informações úteis

– Idioma: espanhol.

– Brasileiros não precisam de visto.

– Nenhuma vacina é obrigatória.

– Moeda: peso chileno e peso argentino. Se quiser levar dólar americano também é bem usado e aceito.

7.Galápagos, Equador

lua-de-mel-em-galapagos-revista-icasei-(2)

Muito conhecido pelos estudos de Charles Darwin, o arquipélago abriga uma das mais lindas faunas marinhas do mundo! Além da bela fauna, as ilhas oferecem grutas, vulcões, lindas praias e opções de mergulho como atrativos.

O que fazer?
Mergulho é uma das principais atividades indicadas, além dos passeios guiados para conhecer a fauna marinha.

Hotéis
Angermeyer Waterfront Inn
Finch Bay Eco Hotel
Red Mangrove

Informações úteis

– Idioma: espanhol

– Brasileiros não necessitam de visto para visitar Galápagos, porém todos os viajantes devem fazer um cadastro obrigatório antes da viagem no site: http://192.73.243.207/cgggob/info/#inline_content_tur1

– Vacina: febre amarela.

– Moeda: dólar americano.

– Taxas: a taxa de acesso ao Parque Nacional Galápagos, obrigatória para todos os que visitam as ilhas, custa US$ 100, mas brasileiros pagam apenas US$ 50, devido aos acordos estabelecidos entre o Equador e os países membros do Mercosul. Crianças abaixo de 12 anos pagam a metade. O valor deve ser pago, em dinheiro, logo no desembarque nos aeroportos de Galápagos. O visitante também deve pagar US$ 10 nos aeroportos de Quito ou Guayaquil referente à TCT (Tarjeta de Control de Tránsito).

8. Punta Del Este, Uruguai

lua-de-mel-em-punta-del-este-revista-icasei-(1)

Para quem ama luxo e praia, este é o paraíso! Lindas e com luxuosos resorts, o local é incrível para os casais que querem relaxar. Há também uma ampla variedade de lojas de grifes e galerias para os visitantes. O balneário já foi considerado um dos mais luxuosos do mundo!

O que fazer?
Compras e relax! O local é ideal para fazer passeios ao ar livre, observar animais diferentes, curtir o sol se pondo, tirar fotos em pontos turísticos, tentar as fichas num cassino e aproveitar uma culinária divina!

Hotéis
Conrad Resort & Casino Punta del Este
The Grand Hotel
Barradas Parque Hotel & Spa

Informações úteis

– Idioma: espanhol Castelhano.

– Brasileiros não precisam de visto.

– Não é necessário tomar vacinas.

– Moeda: Peso Uruguaio.

9. Machu Picchu, Peru

lua-de-mel-em-machu-picchu-revista-icasei-(4)

Conhecida como a “Cidade Perdida dos Incas”, o local é uma verdadeira viagem histórica. É um dos sítios arqueológicos mais importantes do mundo. A Unesco o descreve como “o legado tangível mais significativo da civilização inca”.
Com sua altitude elevada, é preciso ter fôlego para acompanhar os passeios!

O que fazer?
O ideal é curtir cada passeio! Chegar à cidade-base de Aguas Calientes de trem, subindo de Aguas Calientes ao parque de ônibus e fazendo o passeio em seu ritmo. Percorrer toda a extensão das ruínas rende um passeio de mais ou menos 5 horas, com um sobe-e-desce constante de degraus bem altos. A subida cansa, mas a vista faz valer a pena!

Hotéis

Belmond

Tambo del Inca

Palacio del Inka

Informações úteis

– Idioma: espanhol. Mas em alguns locais como na região Andina, há também muitos línguas locais como o Quechua que vem do Incas que é falado até os dias de hoje.

Obs. Os Brasileiros podem entender muito bem o Espanhol falado no Peru, por ser falado de forma tranquila e sem muitas alterações na língua, como gírias.

– Vacinação: é obrigatório levar o Certificado Internacional de Vacinação contra Febre Amarela.

– Documentos: passaporte e RG.

– Moeda: SOL. Mas dólar e euro são aceitos em muitos estabelecimentos.

– O ingresso para o Machu Picchu deve ser comprado com antecedência no Brasil, ou através de uma agência. Ele custa 152 soles (com Wayna Picchu incluso) ou 91 para estudantes. http://ingressomachupicchu.com/ 

10. Ilha de Páscoa, Chile

lua-de-mel-ilha-de-pascoa-revista-icasei-(2)

Na última fronteira da América do Sul, a Ilha de Páscoa reserva um cenário incrível para quem busca uma lua de mel inesquecível. A ilha foi descoberta no domingo de Páscoa de 1722 e depois se tornou território do Chile.

O que fazer?
É possível explorar a ilha fazendo trilhas de bicicleta, cavalo ou mesmo a pé, para quem gosta de uma aventura. Para aqueles que gostam de história, poderão conhecer os símbolos chamados de moais, que são estátuas gigantescas de pedra vulcânica, de 1 a 10 metros de altura e que pesam 80 toneladas feitas pelos ancestrais.

Hotéis

Explora

Hangaroa Eco Village and SPA

Hare Noi

Informações úteis

– Idioma: espanhol.

– Brasileiros não precisam de visto.

– Não é necessária nenhuma vacina.

– Moeda: Peso chileno; notas de 1.000, 2.000, 5.000, 10.000 e 20.000 pesos, e moedas de 1, 5, 10, 50, 100 e 500 pesos.

Tags da matéria

Vai se casar?

Assine a nossa newsletter e fique por dentro das últimas novidades e tendências!