bottles of wine of different sorts. Focus in the middle of the frame. Shallow depth of field Foto: iStock (Divulgação)


Escolher as bebidas da festa não é uma tarefa fácil, e demanda participação mais ativa do noivo. A preocupação com a quantidade a ser comprada e tipo de bebida deixam as noivas estressadas e confusas. Para ajudá-las nessa tarefa, conversamos com a Casa Valduga, produtora e especialista em bebidas alcoólicas refinadas.

Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei-2 Foto: iStock (Divulgação)


Espumante, champagne, vinho e frisante

A principal diferença entre essas bebidas é o método de produção, como explica o enólogo Jhonatan Marini, da Famiglia Valduga.

“O espumante é todo vinho que sofre duas fermentações naturais e contém pressão mínima de 4 Kg por cm². A primeira é a fermentação alcoólica, comum em todos os vinhos. A segunda, onde o espumante adquire a efervescência, tanto pode ocorrer em tanques de aço inox pressurizados (método Charmat) como pode ser feita na própria garrafa (método Champenoise ou tradicional/clássico).

Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei_Champanhe2 Foto: Casa Valduga/Divulgação


O Champanhe é produzido obrigatoriamente em uma região específica (Champagne, na França). Eles são produzidos exclusivamente pelo método tradicional e apenas com as uvas Chardonnay, Pinot Noir e Pinot Meunier. O Champagne combina com pratos com manteiga, creme de leite e lácteos em geral, além de peixes defumados e sabores trufados.

Já o vinho Frisante pode ter pressão máxima de 2 Kg por cm², sendo o de gás carbônico natural, da própria fermentação ou acrescido artificialmente. Não pertencem aos espumantes, nem aos vinhos tranquilos.”

Os vinhos, comumente conhecidos no Brasil, possuem características próprias e harmonizam de acordo com seu tipo, como podemos ver nesta matéria.

 Espumantes Brut, Rose, Moscatel, Blanc de Blancs e Rose de Noir

Os espumantes também possuem várias tipos e caraterísticas, explicadas por Jhonatan.

Brut, é o tipo mais comum entre os espumantes e pode conter de 6 até 15 gramas de açúcar por litro. Eles podem ser brancos, roses ou tintos. Ideais para acompanhar pratos salgados.

Na elaboração de espumantes rosés é imprescindível a utilização de uvas tintas, geralmente a Pinot Noir. Há duas maneiras de obter o rosé com borbulhas: com a mistura de vinhos brancos e tintos ou pela maceração de uvas tintas (com ou sem a presença de uvas brancas) até se obter a cor desejada. As principais características são os aromas de frutas vermelhas e negras tais como morango, cereja e ameixa, que se confirmam na boca e podem apresentar toques de frutas secas e panificação dependendo do método de elaboração, do tempo em garrafa e do contato com as leveduras. Este espumante tem potencial para acompanhar diferentes tipos de pratos, como frutos do mar, pescados, carnes brancas e culinária japonesa.

Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei_espumante-brut Foto: Casa Valduga (Divulgação)


Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei-7 Foto: iStock (Divulgação)


O espumante moscatel, ao contrário do espumante tradicional é elaborado a partir de uma única fermentação, usando-se especialmente uvas do tipo moscato, que lhe confere características organolépticas específicas, em especial o aroma intenso e frutado. Em sua composição deve conter no mínimo 20g de açúcar por litro. Sua graduação alcoólica fica entre 7 e 10% em volume. Harmoniza muito bem com sobremesas.

Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei_Moscatel Foto: Casa Valduga (Divulgação)


Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei-6 Foto: iStock (Divulgação)


Espumantes Blanc de Blancs são elaborados exclusivamente com uvas brancas, sendo a Chardonnay a variedade mais utilizada. Combina com frutos do mar, pescados, saladas e culinária japonesa.

Nero - Blanc de Blancs - Golden Conceptual Edition

Foto: Ponto Nero (Divulgação)


Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei-5 Foto: iStock (Divulgação)


Rose de Noir são espumantes rosés elaborados exclusivamente com uvas tintas, sendo a Pinot Noir a variedade mais utilizada. Combina com frutos do mar, canapés e risotos.”

Nero - Rose de Noir - Conceptual Edition_media

Foto: Ponto Nero(Divulgação)


Delicious risotto, topped with shaved parmesan cheese and parsley. Foto: iStock (Divulgação)


 

Veja também Vinho para casamento, incluir ou não no cardápio? | Dicas italianas

Quantidade de bebida por pessoa

Vinho

Segundo Jhonatan, pode-se calcular uma garrafa de vinho tinto para cada 4 pessoas se houver jantar. Se não houver jantar calcula-se uma garrafa a cada duas pessoas.

Vinho Foto: iStock (Divulgação)


Espumante

No caso do espumante, segundo o enólogo, se for servido do início ao fim do evento calcula-se uma garrafa para cada duas pessoas. Se for servido apenas no momento do brinde calcula-se uma garrafa para cada oito pessoas.

Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei-9 Foto: iStock (Divulgação)


O vinho é como whisky, quanto mais velho melhor? 

Há um pouco de mito nessa história. Segundo Jhonatan é necessário considerar diversos fatores na hora de decidir envelhecer um vinho. “Atualmente são poucos os que merecem ser guardados e que vão aprimorar com o tempo em adega. Para poder envelhecer, um vinho precisa ter estrutura robusta, ou seja, precisa ter uma boa base de taninos, ou acidez, ou álcool, ou açúcar residual. Ou ainda, uma combinação de alguns desses fatores mais a base de uva de boa qualidade. A maior parte dos vinhos disponíveis no mercado são feitos para consumo quase que imediato, de dois a cinco anos.”

Bebidas para o Casamento | Como harmonizar_revistaicasei-8 Foto: iStock (Divulgação)


Ficou com alguma dúvida sobre bebidas? Manda pra gente! casamentoreal@icasei.com.br

Tags da matéria

Vai se casar?

Assine a nossa newsletter e fique por dentro das últimas novidades e tendências!